Louis Chiron

Conhece o homem que deu o nome ao Bugatti Chiron

O Bugatti Chiron — sucessor do modelo Veyron — deve o seu nome a Louis Chiron, um piloto que correu pela Bugatti na década de 20 e de 30.

Depois da marca francesa ter anunciado o sucessor do Veyron, não foi fácil para a comunidade petrolhead conter os ânimos. Sempre que a Bugatti lança um automóvel, esse automóvel marca uma época. Há o antes e há o depois. Goste-se ou não, o Bugatti Veyron lançado em 2005 fez história. E antes do Veyron, o mesmo sucedeu com os seus antecessores.

Dito isto, foi com naturalidade que vimos todos os focos no Salão de Genebra (inclusive os nossos) voltados para a apresentação do novo Bugatti Chiron. Sendo um carro tão importante, o nome foi uma das grandes preocupações da marca. A Bugatti acabou por optar pelo nome Chiron em homenagem a Louis Chiron (1899-1979), piloto monegasco ligado à marca francesa nos anos 20 e 30.

Foi esta a forma que a Bugatti arranjou de reconhecer e manter vivo o nome daquele que considera ser “o melhor piloto da sua história”, ainda para mais tratando-se do Bugatti “mais poderoso, mais rápido, mais luxuoso e exclusivo do mundo”.

Desde tenra idade que Louis Chiron alimentava o gosto por automóveis, e foi no intervalo entre a I Guerra e a II Guerra Mundial que deu azo a essa paixão. Pela Bugatti começou a correr aos 24 anos. Mais tarde, a sua carreira terá passado também pelas equipas da Mercedes-Benz e Alfa Romeo.

Já veterano, Chiron disputou a primeira corrida de Fórmula 1 na temporada inaugural do Campeonato Mundial de Fórmula 1 em 1950. O capítulo das corridas foi encerrado aos 58 anos quando disputou a sua última corrida no Grande Prémio do Mónaco em 1958, tornando-se até hoje no mais velho piloto a entrar num GP.

As principais vitórias:
  • Grande Prémio da Itália, 1928
  • Grande Prémio de Roma, 1928
  • Grande Prémio de Marne, 1928
  • Grande Prémio da Espanha, 1928, 1929 e 1933
  • Grande Prémio da Alemanha, 1929
  • Grande Prémio da Bélgica, 1930
  • Grande Prémio da Checoslováquia, 1931, 1932 e 1933
  • Grande Prémio da França, 1931, 1934, 1937, 1947 e 1949
  • Grande Prémio de Nice, 1932
  • Grande Prémio de Marselha, 1933
  • 24 horas de Spa, 1933
  • Grande Prémio do Marrocos, 1934
  • Grande Prémio de Comminges, 1947
VÊ TAMBÉM: Sky View. Este opcional torna o Bugatti Chiron ainda mais exclusivo

Sabes responder a esta?
Quantos cavalos tem o Bugatti Chiron?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Os números que definem o Bugatti Chiron
Em cheio!!
Vai para a próxima pergunta

ou lê o artigo sobre este tema:

Os números que definem o Bugatti Chiron

Mais artigos em Clássicos