Novo Concept antevê SUV compacto da Volkswagen

O teaser lançado pela Volkswagen levanta o véu de um novo concept que será apresentado em Genebra. Autoeuropa na corrida pela produção do modelo.

A Volkswagen percebeu que estava a perder terreno no segmento dos SUV compactos e meteu «mãos à obra». Dito isto, a marca alemã vai apresentar em Genebra um concept que antevê um modelo inédito na gama Volkswagen, posicionado abaixo do Tiguan e com chegada ao mercado prevista para o final de 2017.

O novo SUV compacto da Volkswagen será esteticamente mais arrojado que a restante gama da marca e prevê-se que adopte soluções de design exclusivas. As primeiras imagens deste concept dão-nos algumas pistas que deverão passar para a versão de produção, entre elas o para-choques dianteiro e embaladeiras com acabamento em plástico preto, que contrasta com a cor da carroçaria. Contrastes que garantem um aspeto mais jovem e aventureiro. As luzes também adoptam novas formas, com destaque para as luzes LED diurnas em forma quadrada.

Volkswagen

RELACIONADO: O Volkswagen Polo Beats é uma discoteca com 4 rodas

Apesar de não terem sido divulgadas fotografias do interior do “mini-SUV”, a marca de Wolfsburg afirma que este será muito semelhante ao do concept BUDD-e – o que significa que a ausência de botões será notória. O touchscreen deverá ser ferramenta principal para aceder a todas as funções do veículo.

Ainda não há nome para a nova aposta da Volkswagen, mas há quem avance a designação “T-Cross”. O tempo o dirá, para já resta-nos esperar pela revelação completa das formas deste concept. Segmentado abaixo do Tiguan, o novo SUV compacto da marca vai utilizar uma versão mais curta da plataforma MQB – a mesma que será utilizada na produção do próximo Polo.

Produção na Autoeuropa?

Uma das fábrica apontadas para a produção deste novo SUV é a Autoeuropa. Recordamos que a fábrica de Palmela recebeu um investimento de 677 milhões de euros em 2015, de forma a modernizá-la com as mais recentes tecnologias e preparando as linhas de produção para a plataforma modular MQB – este investimento criará 500 novos postos de trabalho.

Até ser confirmado o local onde será produzido este novo SUV, as outras hipóteses em cima da mesa da administração do Grupo Volkswagen são Bratislava (Eslováquia) e Kvasiny (República Checa). A «reboque» do SUV da Volkswagen, poderão também ser produzidos na unidade fabril selecionada, os «irmãos gémeos» que a Skoda e Seat deverão anunciar brevemente.

Caso este cenário se confirme, o próximo ano será intenso para a Autoeuropa. A produção deverá arrancar em 2017 e a comercialização poderá começar no último trimestre do mesmo ano, ou no início de 2018.

Volkswagen

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Os mais vistos