Jaguar Land Rover reforça aposta nos veículos autónomos

Finda a produção do icónico Defender, a Jaguar Land Rover direcciona os seus planos para os veículos autónomos.

O novo projeto britânico visa garantir que os futuros veículos autónomos da Jaguar Land Rover sejam capazes de conduzir como humanos (à semelhança das pretensões da Google) – um projeto de investigação ambicioso que implicou o investimento de vários milhões de libras. Uma aposta geral de todas as marcas excepto uma: a Porsche.

Para o efeito, 100 modelos automatizados com sensores vão ser testados no terreno, entre Coventry e Solihull, com o intuito de recolher o máximo de cenários possíveis do mundo real – hábitos e comportamentos de condução nas diversas situações de trânsito. Posteriormente, a informação será usada para desenvolver o possível sistema de condução autónoma da Jaguar Land Rover.

RELACIONADO: Jaguar Land Rover anuncia recorde de vendas em 2015

A casa britânica refere-se à importância dos seus futuros carros autónomos conduzirem como humanos como algo imprescindível, na medida em que os clientes são mais propensos a confiar em veículos dotados de inteligência artificial, do que em meros robots.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos