Saiba quantos milhões pode receber o ex-CEO da VW

Na sequência da demissão de Winterkorn, ex-CEO da VW, começam a surgir as primeiras especulações quanto à sua pensão. O valor poderá superar os 30 milhões de euros.

As contas são da agência Bloomberg. Martin Winterkorn poderá receber de pensão acumulada desde 2007, ano em que assumiu funções de CEO da VW, cerca de 28,6 milhões de euros. Um valor já de si elevado, mas que continua com vontade de crescer.

De acordo com a mesma agência, àquele montante poderá somar-se uma indemnização milionária equivalente a “dois anos de salários”. Recordamos que só em 2014, o ex-CEO da VW recebeu uma remuneração avaliada em 16,6 milhões de euros. Para que Martin Winterkorn receba estes valores, não pode ser considerado responsável pelo escândalo Dieselgate. Caso o conselho de supervisão decida culpabilizar o ex-CEO da VW por má conduta, a indemnização fica automaticamente sem efeito.

Martin Winterkorn: o homem no olho do furação

O ex-CEO da VW, quase a atingir as 7 décadas de idade, comunicou ontem a sua demissão que ficou surpreso ao tomar conhecimento das condutas criminosas da sua empresa, retirando assim as culpas do seu cartório.

É de referir que o empresário era o segundo CEO mais bem pago da Alemanha no ano passado, recebendo um total de 16,6 milhões de euros, não só provenientes das economias da empresa, como do bolso dos accionistas da Porsche.

Fonte: Bloomberg via Autonews

Não deixe de nos seguir no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias