Lamborghini Huracan Spyder com 610 cv a céu aberto

O Lamborghini Huracan Spyder chegou a Frankfurt decidido a impressionar. Agarrem-se bem, este espécimen de Sant’Agata Bolgnese não está para brincadeiras.

Se há coisa que quem experimentou não esquece é a sensação de conduzir um desportivo a céu aberto, o Lamborghini Huracan Spyder promete isso e muito mais. Para além de ser um (super)desportivo que permite circular a “céu aberto”, ainda nos brinda com um motor 5.2 V10 atmosférico com 610 cv às 8.250 rpm a gritar aos nossos ouvidos. Este é o motor que está também disponível na versão “fechada” do Lamborghini Huracan.

Olhando para a lista das prestações os valores tornam-se numa odisseia pelos sonhos de qualquer petrolhead: a balança acusa 1542 kg para o Lamborghini Huracan Spyder e no tradicional sprint dos 0-100 km/h o cronómetro pára aos 3.4 segundos. Continuando a acelerar, encontramos os 200 km/h aos 10.2 segundos e se a vontade for muita e a lei assim o permitir, a velocidade máxima só chega aos 324 km/h. Os discos em cerâmica ajudam a parar, não se preocupem.

De cabelos ao vento em 17 segundos

A capota do Lamborghini Huracan Spyder é do estilo soft top, elétrica e claro, completamente nova. 17 segundos (e até aos 50 km/h) é o tempo necessário para passar do conforto silencioso de um spyder fechado, para um tendencialmente ensurdecedor Lamborghini Huracan Spyder aberto a todos os sentidos.

O Lamborghini Huracan Spyder conta ainda com jantes de 20 polegadas, luzes LED, maxilas de travão disponíveis em várias cores e um ecrã TFT de 12.3 polegadas no lugar do “velhinho” quadrante. Há também um sistema de start&stop e de desactivação de cilindros “cylinder on demand”, sinais dos tempos.

Quanto consome? Ninguém quer saber, ainda assim Lamborghini reclama 12.3 l/100 km em ciclo misto. O preço? 182 mil euros mais os impostos portugueses, o que no final deve dar qualquer coisa como muito dinheiro. As primeiras unidades serão entregues na Primavera de 2016.

Acompanhem esta e outras novidades do Salão de Frankfurt na Razão Automóvel

Não deixes de nos seguir no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias