Stefano Domenicali abandona a Scuderia Ferrari

Os maus resultados e a insatisfação dos adeptos e pilotos conduziram Stefano Domenicali à saída da equipa italiana.

Stefano Domenicali deixou esta segunda-feira o cargo de chefe de equipa da Ferrari, demitindo-se na sequência de um reunião com Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari.

Os motivos todos sabemos quais são. Um início de época desastroso sem um único pódio, lutando apenas pelo Top 10, deitou por terra a confiança que Montezemolo ainda tinha no italiano. A demissão de Domenicali surgiu hoje de manhã, depois de sete anos e meio como chefe de equipa.

Para esta tomada de posição deverá ter contado também a pressão de Fernando Alonso, que sempre foi contra a permanecia de Stefano Domenicali à frente dos destinos da equipa de Fórmula 1. Segundo fontes italianas, Domenicali será substituído por Marco Mattiaci, um homem de confiança da Ferrari (com 15 anos de carreira dentro da marca) mas sem ligações anteriores ao automobilismo, tendo sido presidente e diretor executivo da Ferrari North America até este fim de semana.

Com a necessidade de alterações profundas nos monolugares, é difícil acreditar que as melhorias nos resultados da Scuderia Ferrari surjam antes da próxima época. Sem dúvida, uma travessia no deserto para toda a equipa.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos

Pub