Primeiro Range Rover de produção está a ser restaurado e será vendido

Foi em 1970 que este Range Rover com o chassis nº 26 foi registado. Os 25 modelos que o antecederam, os VELAR, serviram para testes e desenvolvimento.

O primeiro Range Rover de produção da história a ser registado para circular, pertence agora a Andrew Honychurch, um apaixonado por Range Rovers e conhecido especialista no restauro de automóveis em Biddenden, Kent. Andrew viu neste Range Rover de duas portas, o primeiro de todos os Range Rover de produção, uma oportunidade de negócio. Não se trata apenas de dinheiro, para a Andrew Honychurch, foi o recuperar de um ícone que se encontrava num estado deplorável de conservação e que tinha sofrido alterações que lhe tiravam todo o esplendor.

Range Rover 26 1970_2

Para além do chassis em péssimo estado de conservação, a sua alma de gigante, o V8 original que em tempos residia debaixo do capot, tinha sido trocado por um motor V8 de um Rover. A primeira coisa que Andrew fez quando o comprou, foi tentar encontrar um V8 do mesmo ano de produção e colocá-lo no lugar que ele merece. Mas o trabalho não fica por aqui.

Range Rover 26 1970

Andrew Honychurch relata que é muito difícil arranjar peças originais e que tentar manter-se fiel ao modelo original neste processo de restauro, tem sido um grande desafio: “recentemente adquiri uma tampa para o depósito de combustível original por 415 euros” disse em entrevista. Andrew acredita que o futuro proprietário deste primeiro Range Rover, fará um investimento certo.

Range Rover 26 1970_4

Os primeiros 25 Range Rover construídos serviram para testes e tinham o nome de código “VELAR”. Este Range Rover, com o chassis nº 26, foi o primeiro a receber o nome definitivo do modelo, bem como outros 19, que estiveram presentes na apresentação mundial à imprensa. Estas 20 edições “press launch” voltaram à fábrica. Mais tarde, em 1973, este primeiro Range Rover de produção foi vendido a um particular.

Fonte: Hemmings Daily

Mais artigos em Notícias