Arranque a Frio

De um motor de 3 cilindros nasceu o V12 do Aston Martin Valkyrie

O Aston Martin Valkyrie tem um 6.5 V12 NA, mais de 1000 cv a mais de 10 000 rpm. Absolutamente épico, mas as suas origens revelam uns pistões a menos.

Foi a Cosworth que o concebeu, e agora, através de Bruce Wood (diretor) em declarações a Henry Catchpole da Carfection, revelou as origens mais “humildes” do épico V12.

Iria demorar 12-13 meses para ter uma unidade funcional, demasiado tempo para saber se conseguiriam provar a si mesmos que cumpririam tão desafiante e conflituoso caderno de encargos — não só alcançar uma potência específica elevada para um NA (mais de 150 cv/l) e simultaneamente cumprir as normas de emissões.

Para reduzir esse tempo a solução foi começar por fazer um motor mais pequeno — pegaram num bloco de quatro cilindros (já existente) ao qual adaptaram uma cabeça de três cilindros, uma réplica exata de três dos cilindros do motor do Valkyrie.

Desde o início tivemos um motor de três cilindros (…), (isto) porque temos quatro catalisadores, onde cada catalisador serve três cilindros, logo usando um motor de três cilindros fomos capazes de replicar todas as partes de um quarto genuíno do produto final.

Resultado? Bastaram 5-6 meses para ter uma unidade funcional, provando que era possível cumprir os objetivos de performance e emissões.

Ou seja, existe na Cosworth um três cilindros NA, com pouco mais de 1600 cm3 a debitar 253 cv a mais de 10 000 rpmeu quero, eu preciso deste motor…

RELACIONADO: 11 100 rpm! Este é o V12 naturalmente aspirado do Aston Martin Valkyrie

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Qual a capacidade do V12 do Aston Martin DBS Superleggera?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Aston Martin DBS Superleggera. 725 cv e 340 km/h para o novo Super GT

Mais artigos em Notícias