Elétricos

Porsche. Postos de carregamento têm tecnologia portuguesa

O Porsche Mission E ainda nem sequer foi apresentado, mas já tem uma infraestrutura de carregamento à medida. Uma infraestrutura com tecnologia «made in Portugal».

Há sensivelmente um ano, a portuguesa Efacec estabeleceu um contrato com a Porsche para o fornecimento de estações de carregamento em vários pontos da Europa. Os dois primeiros postos da marca alemã foram recentemente inaugurados num concessionário em Berlim, Alemanha.

VEJAM TAMBÉM: Ex-piloto Mark Webber poderá ajudar a desenvolver futuros modelos da Porsche

Estes carregadores de 350 kW, desenvolvidos em conjunto com a empresa de Matosinhos, são destinados ao uso interno da Porsche, para o carregamento de baterias. Mais do que servir os atuais Cayenne S E-Hybrid, Panamera 4 E-Hybrid e Panamera Turbo S e-Hybrid, estes postos fazem parte de uma infraestrutura de carregamento rápido que vão alimentar os futuros modelos elétricos da Porsche – mais concretamente o próximo Mission E (em baixo), previsto para 2020.

Porsche Mission E

A escolha da Efacec pela Porsche ocorreu após uma renhida competição internacional, e veio reforçar o posicionamento da empresa na liderança do mercado em carga rápida dos veículos elétricos a nível global.

Ângelo Ramalho, CEO da Efacec, em julho de 2016

A Efacec estreou a sua nova gama de carregadores de alta tensão no início deste ano, que se destacam pela velocidade de carregamento – é possível conseguir 80% da carga em pouco mais de 15 minutos.

Depois de Berlim, a Porsche vai construir uma infraestrutura de carregamento semelhante em Atlanta, nos EUA. Então e nós?

Sabes responder a esta?
Qual é a potência máxima do novo Porsche 911 GT2 RS?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Porsche 911 GT2 RS. O mais potente de sempre!

Mais artigos em Notícias