Glórias do Passado

Ford Model T. O automóvel que pôs o mundo sobre rodas

Foi há nove décadas que um dos carros mais influentes do século XX deixou de ser produzido. O Ford Model T foi o primeiro modelo de produção em série.

A história do Ford Model T confunde-se com a própria história da indústria automóvel, mas o seu impacto foi de tal forma imenso para a democratização do automóvel , que receberia, justamente, o título de carro do séc. XX.

Embora não tenha sido o primeiro carro do mundo — esse foi o Motorwagen de Carl Benz — o Model T, lançado em 1909, acabou por ser o responsável por acelerar a inserção do automóvel, até então considerado como um produto de luxo, na sociedade americana durante o primeiro quarto do século XX.

Através da simplificação de processos, recursos e da auto-suficiência da fábrica em Highland Park, Michigan, os baixos custos de produção permitiam à Ford oferecer um veículo eficiente e relativamente acessível.

VÊ TAMBÉM: O Model S faz 90 anos. Atenção, não é o da Tesla…

Em 1915, a maior parte dos exemplares eram pintados em preto, uma cor mais barata e de secagem rápida. Daí a célebre frase de Henry Ford: 

O carro está disponível em qualquer cor, desde que seja preta.

Os primeiros Ford T pesavam pouco mais de 500 kg e estavam equipados com um motor 2.9 l de quatro cilindros em linha, acoplado a uma caixa de duas velocidades, com cerca de 20 cv de potência (às rodas traseiras). Números que, embora não surpreendam nos dias que correm, eram suficientes para atingir velocidades de 70 km/h. Os consumos podiam chegar aos 18 l/100km.

RELACIONADO: O primeiro TT foi uma pick-up da Ford. Já lá vão 100 anos

O chassis era constituído por uma estrutura de longarinas em “U” e a suspensão era de eixo rígido (à frente e atrás), sem amortecedores.

Quando foi lançado, o Ford Model T rondava os 825 dólares (cerca de 22 mil dólares nos dias de hoje). Em 1925, o preço final já tinha baixado para os 260 dólares, e a produção excedia os dois milhões de unidades.

Ao longo dos anos, o Model T assumiu várias formas e dezenas de carroçarias diferentes. A 26 de maio de 1927, quase duas décadas depois do inicio da produção, o Ford Model T foi descontinuado. Nesse ano, a marca americana vendeu menos de 500 mil carros. O Ford Model T foi substituído pelo Model A, que embora tenha tido um sucesso inicial, não teve (nem de perto nem de longe) o impacto do seu antecessor.

RELACIONADO: Ford Model T: a volta ao mundo num carro com mais de 100 anos

Ford Model T em Portugal

Lançado em 1909, o Model T chegou a Portugal logo dois anos mais tarde através de António Augusto Correia, que o matriculou com a chapa N-373. Em 1927 o carro foi vendido a Manuel Menéres, e nos anos que se seguiram participou em diversos eventos como o Rallye Internacional do Estoril ou o Rallye de Santo Tirso.

Sabes responder a esta?
Qual é potência do novo motor 1.5 l de três cilindros do Ford Fiesta ST?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Novo Ford Fiesta ST. Revolução completa em Genebra

Mais artigos em Clássicos