Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Nunca se venderam tantos Ferrari como em 2016

A marca italiana ultrapassou pela primeira vez a barreira das 8000 unidades e conseguiu lucros líquidos de 400 milhões de euros.

Foi um ano em grande para a Ferrari. A marca italiana anunciou ontem os resultados referentes a 2016, e tal como esperado, alcançou um crescimento nas vendas e nos lucros relativamente ao ano 2015.

Só no ano passado saíram da fábrica de Maranello 8.014 modelos, um crescimento de 4.6% face ao ano anterior. De acordo com o CEO da Ferrari, Sergio Marchionne, este resultado deve-se ao sucesso da família de desportivos V8 – 488 GTB e 488 Spider. “Foi um bom ano para nós. Estamos satisfeitos com o progresso que temos tido”, afirma o empresário italiano.

VÍDEO: Ferrari 488 GTB é o «cavallino rampante» mais rápido no Nürburgring

De 290 milhões de euros em 2015, a Ferrari conseguiu lucros líquidos de 400 milhões de euros no ano passado, o que representa um crescimento de 38%. O mercado EMEA (Europa, Médio Oriente e África) continua a ser o mais popular, seguindo-se o continente americano e o asiático.

Para 2017, o objetivo é superar a marca das 8.400 unidades, mas sem desvirtuar o ADN da marca. “Continuamos a ser pressionados para produzirmos um SUV, mas tenho dificuldade em ver um modelo Ferrari que não tenha a dinâmica que nos é característica. Temos de ser disciplinados para não degradar a marca”, comentou Sergio Marchionne.

Fonte: ABC

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter