Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid excede expectativas: 680 cv de potência!

O Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid é a prova de como os rumores podem iludir. O Turbo S E-Hybrid passa a ser o mais potente dos Panamera e dos Porsche actualmente à venda.

Anunciámos, nem faz duas semanas, que em Genebra veríamos um Panamera E-Hybrid mais potente. E confirmou-se, só que a Porsche trocou-nos as voltas.

Os rumores apontavam para uma versão 4S do E-Hybrid, que faria uso do mais potente V6 twin turbo do Panamera 4S. Surpresa! Afinal a marca de Estugarda vai revelar o pináculo da gama, o Panamera Turbo S E-Hybrid.

2017 Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid traseira

Já é tradição a Porsche acompanhar as versões Turbo com uma mais possante Turbo S. A surpresa é mesmo a conjugação da versão E-Hybrid com a versão Turbo.

Resumindo… potência para dar e vender!

Na prática, o que a Porsche fez foi «casar» um motor elétrico de 136 cv ao V8 de 4.0 litros twin turbo e 550 cv do Panamera Turbo, resultando numa potência final combinada de 680 cv às 6000 rpm e 850 Nm de binário entre as 1400 e as 5500 rpm. É o Panamera mais potente de sempre. Mais! Pela primeira vez na gama Panamera é um híbrido plug-in que assume o lugar cimeiro na hierarquia da marca.

Colocar todos os equídeos no solo, é missão para a caixa de dupla embraiagem PDK de oito velocidades, que desmultiplica toda esta potência pelos dois eixos.

2017 Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid - frente

As performances são elucidativas: 3.4 segundos dos 0-100 km/h e apenas 7.6 segundos até aos 160 km/h, e 310 km/h de velocidade máxima.

Impressionante, se considerarmos que se trata de uma berlina de dimensões generosas que acusa mais de 2.3 toneladas na báscula. Comparativamente ao Turbo, o Panamera Turbo S E-Hybrid é 315 kg mais pesado.

O excesso de lastro justifica-se pelos componentes necessários à propulsão elétrica. O conjunto de baterias de 14.1 kWh, tal como no 4 E-Hybrid, permite uma autonomia elétrica oficial de até 50 km. O Panamera Turbo S E-Hybrid, consegue assim, não só incrementar as performances do Panamera Turbo, como promete consumos e emissões inferiores.

2017 Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid interior

Gernot Dollner, o responsável pela gama Panamera, revela que, realisticamente, é possível entre 38 e 43 km em modo elétrico. E os consumos deverão oscilar entre 12.8 l/100 km e os 7.1 l/100 km. Muito longe dos inverosímeis números do ciclo oficial NEDC: 2.9 l/100km e apenas 66 g CO2/100km.

RELACIONADO: Porsche Panamera Sport Turismo vai ser apresentado em Genebra

O Panamera Turbo S E-Hybrid já está disponível em alguns mercados, e estará também disponível na versão Executive, a carroçaria mais longa do modelo. Poderemos vê-lo ao vivo em Genebra, onde também veremos pela primeira vez o Panamera Sport Turismo, a inédita versão carrinha.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos