Esteve mais de 20 anos esquecido numa garagem, agora vai ser restaurado em Portugal

A vida de alguns automóveis dava um romance dramático. É o caso deste Porsche 356 C Cabriolet que agora vai ser restaurado na Sportclasse.

O Porsche 356 C Cabriolet que vêem nas imagens já viu muita coisa – olhando ao seu estado, talvez até já tenha visto demais. Nascido em Estugarda no ano de 1964, quis o destino que este Porsche rumasse desde tenra idade até à cidade de Colónia (Alemanha), local onde foi vendido e onde ficou durante grande parte da sua juventude. Porém, algures entre 1964 e a atualidade, alguém o abandonou, condenando-o durante décadas aos confins de uma garagem.

porsche-356-c-cabriolet-7

Ninguém sabe dizer ao certo quando tempo é que este Porsche esteve ao abandono, nem mesmo o belga responsável pelo resgate desta «Bela Adormecida». Estima-se que o seu sono profundo tenha durado mais de 20 anos por larga margem.

Esta é a parte em que a história começa a ganhar contornos felizes…

No meio de tanto infortúnio, Jorge Nunes, proprietário da Sportclasse – especialista independente Porsche em Lisboa, decidiu dar um novo destino a este Porsche 356 C Cabriolet. Da Alemanha para a Bélgica, e agora da Bélgica para Portugal, muito provavelmente este Porsche já fez mais quilómetros num reboque do que a rolar. “Comprar um carro nestas condições, após tantos anos parado é uma carta fechada. Nunca sabemos o que vamos encontrar”. “Umas vezes temos sorte outras nem por isso”, confidenciou-nos Jorge Nunes.

Foi já em território nacional, nas instalações da Sportclasse, que se tentou acordar o motor da «Bela Adormecida de quatro rodas» pela primeira vez. Mudados todos os fluídos (gasolina e óleo), rodou-se a chave pela primeira vez e fez-se figas. O momento ficou registado em vídeo:

After some years in coma… | #firststart #ignition #sportclasse #carsofinstagram #classic #porsche356 #restore #lisbon

Um vídeo publicado por Sportclasse (@sportclasse) a

It’s alive! O Porsche 356 C Cabrio acordou (algo engasgado é verdade…) e aparentemente está tudo ok com o motor. “Trabalhar é um bom sinal, mas ainda há muito trabalho mecânico pela frente. E no que toca à mecânica não se pode fazer concessões. Os Porsches são muito fiáveis mas têm de ser bem tratados”, garantiu-nos Jorge Nunes.

Próximo passo?

Desmontagem completa. Peça por peça. Porque como sabem, antigamente as carroçarias não eram sujeitas a tratamentos anti-corrosão. Sem os devidos cuidados, é fácil os clássicos serem tomados de assalto pela ferrugem – este é sem dúvida um desses casos. Nos próximos meses este Porsche 356 C Cabriolet vai ser completamente desmontado e recuperado na Sportclasse. Mecânica, chapa, pintura, parte elétrica e estofagem, uma equipa completa vai tentar dar um final feliz ao romance dramático que tem sido a vida deste exemplar da histórica marca de Estugarda.

Seja qual for o final deste romance, uma coisa é certa: há uma certa magia e melancolia adjacente aos carros abandonados, não acham? Vejam as imagens:

porsche-356-c-cabriolet-5
porsche-356-c-cabriolet-14
porsche-356-c-cabriolet-11
porsche-356-c-cabriolet-4
porsche-356-c-cabriolet-2
porsche-356-c-cabriolet-10
porsche-356-c-cabriolet-9
porsche-356-c-cabriolet-18
porsche-356-c-cabriolet-15
porsche-356-c-cabriolet-22

Logo que haja novidades sobre o estado de saúde deste Porsche 356 C Cabriolet nós vamos publicar aqui na Razão Automóvel. Até porque o nosso escritório fica nas instalações da Sportclasse. Em alternativa podem acompanhar a Sportclasse diretamente através do Instagram (acreditem, é uma conta obrigatória para qualquer petrolhead!). Vale pena dar uma «vista de olhos».

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Clássicos

Os mais vistos

Pub