Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Mercedes-AMG E63 revelado: 612 cv e «Drift Mode»

É o Mercedes-AMG E63 mais potente de sempre. Tem mais de 600 cv e um botão mágico que faz os pneus sofrer.

Adivinharam. Debaixo do capot voltamos a encontrar o suspeito do costume: o motor V8 4.0 litros servido por dois turbos twin-scroll. Que nesta geração do E63 vai ter duas variantes: uma com 570cv e outra com 612cv (apelidada de versão S). O primeiro cumpre os 0-100km/h em apenas 3.4 segundos e a «versão S» reduz ainda mais este registo balístico para uns míseros 3.3 segundos.

Por outras palavras, quem se sentar ao volante deste Mercedes-AMG E63 está na verdade aos comandos de um «míssil» capaz de ombrear com os melhores superdesportivos da atualidade.

Para lidar com todo este manancial de potência e binário, a Mercedes-AMG decidiu equipar o E63 com a sua caixa de 9 velocidades de dupla embraiagem, a AMG Speedshift. E para que o arrombo na carteira não seja tão grande, a gestão eletrónica do motor pode desativar os cilindros dois, três, cinco e oito, de forma a diminuir os consumos e emissões.

VÊ TAMBÉM: Audi propõe A4 2.0 TDI 150cv por 295€/mês

Mas porque os consumos devem interessar tanto a quem compra este carro, como um churrasco interessa a um vegan, vamos falar de coisas que realmente importam: o Drift Mode! Ainda que o E63 venha equipado com um sistema de tração integral 4Matic, os drifts não vão ser uma coisa do passado. Premindo o botão «Drift Mode» o sistema faz variar a distribuição de potência podendo entregar os 612 cv do motor V8 somente ao eixo traseiro.

Naturalmente, o ESP acompanha a postura libertina do «Drift Mode», permitindo atravessadelas que se esperam monumentais. Neste momento, há famílias de pneus em pânico. O Mercedes-AMG E63 deverá chegar a Portugal no segundo trimestre do ano. Quanto a preços, bem… lembram-se da história do vegan? É melhor não saber quanto custa este menu de borracha queimada, potência e exclusividade.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter