BMW assinala os 30 anos do M3 recordando quatro versões «loucas»

Este ano assinala-se os 30 anos do BMW M3. Um modelo que ao longo destas três décadas conheceu algumas versões no mínimo sui generis.

O que fazem os engenheiros do departamento M Performance quando não estão a desenvolver novos modelos ou carros de competição? Aparentemente, projetos insanos. E para assinar os 30 anos do nascimento do BMW M3 foram ao armazém buscar quatro desses projetos: duas pick-up’s, uma carrinha familiar e um compacto de três portas.

Modelos pouco ou nada convencionais mas que na sua essência eram (e são…) verdadeiros BMW M3. Vamos conhecer cada um deles? Então vamos começar pelo mais estranho de todos.

BMW M3 (E30) Pick-up

bmw-m3-concepts-10

Como sabem, a BMW desenvolveu o primeiro M3 com um único propósito: competir. Sucede que os regulamentos da FIA naquela época obrigavam à produção de pelo menos 5.000 exemplares do modelo – as chamadas versões de homologação – pelo que a BMW não teve outra alternativa senão lançar o M3 (E3). Em boa hora o fez porque esta versão tem-se revelado um sucesso.

Algures durante este processo, os engenheiros da M Performance concordaram que precisavam de algo mais rápido para transportar as peças no interior das instalações. A resposta surgiu em formato de pick-up. Pegaram no chassis de BMW Série 3 Cabrio (porque já estava reforçado), instalaram-lhe o motor do M3 (o celebre bloco de quatro cilindros com 2.3 litros de capacidade) e alteraram completamente a parte de trás para o formato pick-up. Brilhante! Saibam que até há quatro anos este modelo ainda era utilizado para transportar peças na sede da M Performance? PS: Deve ter feito pouco piões nestes últimos 20 anos deve…

BMW M3 Compact

bmw-m3-concepts-14

Nem todos os modelos são loucos como o último. Em 1996 os engenheiros da marca decidiram desenvolver um modelo com um objetivo sério: queriam uma alternativa ao BMW M3, desta feita, voltado para um público mais jovem. E assim foi, pegaram na carroçaria de um BMW 318ti Compact e instalaram-lhe o motor 3.2 litros de seis cilindros em linha com 321 cv do M3 na dianteira. Com menos 150kg de peso do que a versão «normal» do M3, este M3 Compact era mais rápido e mais ágil.

Por tratar-se de uma mula de testes, a BMW não quis adicionar-lhe nenhum elemento estético. Infelizmente o modelo acabou por não ser produzido.

BMW M3 Touring

bmw-m3-concepts-20

A cada nova geração do BMW M3, os adeptos da marca de Munique pedem uma versão carrinha. Até hoje a resposta tem sido sempre negativa.

O ano 2000 foi a época em que a produção de um BMW M3 Touring esteve mais próxima, a marca chegou inclusivamente a prepara um protótipo (nas imagens) com um ótimo design. Infelizmente – uma vez mais…- a BMW decidiu não avançar com a produção do modelo.

BMW M3 pick-up

bmw-m3-concepts-6

É o último e talvez o mais interessante modelo deste lote. Corria o ano de 2011 quando a BMW decidiu aproveitar o dia das mentiras para enganar meio mundo. Como? Cortaram a carroçaria de um BMW M3 Coupé (E92) e voltaram a transformá-lo numa pick-up. Para a mentira ter mais impacto foram ainda mais longe… testaram-no em Nurburgring!

Motor V8 atmosférico, caixa aberta e 420 cv. Tinha tudo para ser um sucesso não tinha?

Fiquem com a galeria de imagens:

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias