Mazda 3 atinge a marca dos 5 milhões de unidades

É o segundo modelo da marca a atingir a marca dos 5 milhões de unidades produzidas. Para além do Mazda 3, apenas o Mazda 323 tinha alcançado este registo.

Em abril abriram-se garrafas de champanhe em Hiroshima – sede da marca nipónica. Se não foi champanhe foi sake (bebida típica em terra do sol nascente). Caso não tenham celebrado, nem com uma bebida nem com outra, então deviam. Não é todos os dias que um modelo atinge os 5 milhões de unidades produzidas.

No caso da Mazda é apenas a segunda vez que um modelo atinge este número – antes do Mazda 3, apenas o Mazda 323 tinha alcançado este número. Demorou 12 anos e 10 meses até que este número fosse alcançado, altura em que era lançada a primeira geração do modelo.

RELACIONADO: Mazda 3 com motor 1.5 Skyactiv-D chega a Portugal

A produção total do Mazda 3 já superou a barreira dos cinco milhões de unidades até final do mês de abril, num valor que compreende não só a nova geração, mas também as anteriores no cômputo de 12 anos e 10 meses desde que o primeiro Mazda 3 foi lançado, em meados de 2003.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter