Bugatti Veyron chamado à oficina

Ao que parece, nem os hipercarros estão imunes aos recalls. Conhece os três motivos que levaram a Bugatti a chamar os Veyron à oficina.

Um dos problemas que originaram o recall dos Bugatti Veyron produzidos entre 2006 e 2011 está relacionado com uma anomalia no sensor da bomba de combustível. Este erro no sensor poderá fazer com que o ponteiro do combustível indique mais gasolina do que aquela que o depósito efectivamente tem.

RELACIONADO: Conhece a fábrica abandonada da Bugatti (c/ galeria de imagens)

O segundo problema diz respeito à corrosão de um cabo de bateria que pode resultar num eventual incêndio. Por fim, o terceiro problema detectado diz respeito a peças metálicas na base do Veyron que podem enferrujar e saltar em andamento.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias