Audi R8 Spyder: tira, tira, tira…

A marca de Ingolstadt levou até ao Salão de Nova Iorque a versão topless do seu superdesportivo: o Audi R8 Spyder.

O teto metálico do Audi R8 deu lugar a uma capota em lona para assim nascer a versão Spyder. Segundo a marca, a decisão por uma estrutura em lona deveu-se às preocupações com o peso total do conjunto – uma capota rígida retrátil implicaria demasiado peso adicional num ponto alto da carroçaria, o que elevaria o centro gravítico do modelo.

A NÃO PERDER: A Razão Automóvel conduziu o «três rodas» mais excitante do mercado

A nova capota em lona pode ser operada até aos 50km/h e demora apenas 20 segundos a abrir e a fechar. Para garantir que a estrutura do Audi R8 Spyder não perdia rigidez torcional face ao modelo “fechado”, várias áreas da carroçaria foram reforçadas. Nomeadamente o pilar A, moldura do para-brisas e longarinas do chassi.

Relativamente ao motor, o bloco V10 atmosférico de 540cv que já conhecíamos do Audi R8 “normal” volta a marcar presença sem qualquer alteração. O sprint dos 0-100km/h é cumprido nuns escassos 3,6 segundos e a velocidade máxima é de 318km/h. Segurem bem os chapéus…

audi r8 spyder 2017 3 audi r8 spyder 2017 2

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Os mais vistos