Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Lexus LC 500 finalmente revelado

Tardou mas… o Lexus LC 500 finalmente saiu das sombras do concept do Lexus LF-LC e chegou à ribalta em Detroit.

Depois de quatro anos a ser desenvolvido, finalmente foi apresentado o modelo que assinala o regresso da Lexus aos grandes coupés.

O design é claramente Lexus. A dianteira, habitualmente dominada pela enorme grelha, surge agora com efeitos 3D e é delimitada por uma barra cromada. Os faróis recorrem à tecnologia LED e integram luzes diurnas em forma de L. O perfil atlético do Lexus LC 500 2017, apresenta o típico tejadilho inclinado de um coupé, as saliências curtas e as linhas tensas. No interior,  sobressaem os revestimentos em couro, alcantara e materiais como o magnésio.

A NÃO PERDER: Também podes votar no Essilor Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal 2016

Quanto às motorizações, o Lexus LC 500 brinda-nos com um motor V8 de 5.0 litros, capaz de gerar 467 cv de potência. Ainda sem informações oficiais acerca da velocidade máxima, a Lexus anunciou apenas que o LC500 consegue acelerar dos 0 aos 100 km/h em menos de 4,5 segundos.

Acoplada a esta motorização, está uma caixa automática de dez velocidades da Aisin, que promete ser tão rápida quanto uma caixa de dupla embraiagem e mais compacta do que as de oito velocidades.

14824993811695362890

Outro atributo do superdesportivo da marca de luxo da Toyota, é a sua configuração 2+2  e o seu chassis de elevada rigidez, que a Lexus chega mesmo a colocar num patamar acima do LFA. Tudo graças a materiais exóticos como a fibra de carbono, o alumínio e aços de ultra-elevada rigidez. As jantes de série são de 20 polegadas, existindo a possibilidade de escolher umas de 21 polegadas.

Tecnologicamente, o novo Lexus virá equipado com uma série de ajudas à condução – cruise control adaptativo, travagem de emergência e alerta de saída da faixa de rodagem. Entre outros equipamentos opcionais, destacam-se o sistema de som da Pioneer ou da Mark Levinson e o escape com sonoridade configurável para os mais entusiastas. Agora é esperar que chegue a Portugal ainda em 2016 ou no primeiro trimestre de 2017.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter