DS5: espírito avant garde

O DS5 aposta num design inovador e diferenciado, com nova grelha DS Wings. Habitáculo inspirado na aeronáutica. A versão a concurso recorre ao motor Blue HDI de 181 cv.

No ano em que comemora os 60 anos de vida de uma das suas mais originais e icónicas criações – o Citroen DS – a marca francesa do grupo PSA decidiu dar vida própria à sigla DS criando uma identidade própria para uma nova marca que se chama precisamente DS.

É por isso esta a primeira vez, que um modelo da nova marca concorre a prémio Essilor Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal, tentando repetir os êxitos que a Citroen já alcançou nesta iniciativa – um total de cinco vitórias – desde o simpático AX em 1988 até ao C5 em 2009.

A NÃO PERDER: Vota no teu modelo favorito para o prémio Escolha do público no Troféu Essilor Carro do Ano 2016

DS5

O ariete da DS para a 32ª edição do Carro do Ano em Portugal é o DS5 que corporiza os principais valores da nova marca – design diferenciado, sofisticação tecnológica e espírito de avant garde. Trata-se de um executivo de quatro lugares com 4,5 metros de comprimento e um peso de 1615 kg que recebe as novas coordenadas de design da DS, nomeadamente a grelha verticalizada e esculpida com o monograma DS ao centro, ladeada pelos faróis DS LED Vision.

No habitáculo de inspiração aeronáutica, destaque para o tejadilho do tipo cockpit , dividido em três fluxos de luz, que criam uma atmosfera luminosa. O posto de condução foi concebido em redor do condutor, tendo os principais comandos agrupados em duas consolas centrais, uma baixa e uma no tejadilho, sob a forma de botões de pressão e toggles switches específicos.

A sofisticação tecnológica tem correspondência no leque de equipamentos a bordo, nomeadamente no ecrã tátil high tech, a partir do qual é possível controlar a maior parte das funções de conectividade, informação ao condutor e entretenimento. Destaque para a aplicação MyDS que oferece todas as informações relativas ao veículo. Por exemplo, o MyDS permite encontrar facilmente o seu automóvel através da opção «Encontrar o meu DS». Da mesma forma, a opção «Terminar o meu itinerário» permite alcançar a pé um determinado destino final, uma vez que o novo DS 5 tenha de ser estacionado. Se o smartphone for compatível com o New Mirror Screen, o condutor pode ouvir os SMS que receber ou ditar um novo em segurança.

VEJAM TAMBÉM: A lista de candidatos ao Troféu Carro do Ano 2016

No capítulo mecânico, o novo DS5 é servido por uma gama de seis motorizações, conjugada com três tipos de transmissão de seis velocidades (CVM6, ETG6 e EAT6).
A versão a concurso é alimentada pelo motor BlueHdi de 180 cv, um Diesel de altas prestações que recebeu um novo turbo de geometria variável e que é capaz de fazer acelerar o DS5 dos 0 aos 100 km/h em 9,2 segundos, anunciando uma média de consumo de 4,4 l/100 km.

Os preços em Portugal iniciam-se nos 33 860 euros, mas esta versão específica, também candidata ao prémio Exexutivo do Ano, custa 46 720 euros. O conforto de rolamento continua a ser uma das preocupações da DS que incorpora neste modelo uma nova tecnologia de amortecimento PLV (Preloaded linear valve) que limita o rolamento da carroçaria e permite absorver melhor as irregularidades do terreno.

Estilo único e diferenciado, sofisticação tecnológica e elevados patamares de conforto dinâmico, conjugados com um motor performante e económico, são, em suma, os principais trunfos que a DS tem para esgrimir no Essilor Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal 2016.

DS5

Texto: Prémio Essilor Carro do Ano / Troféu Volante de Cristal
Imagens: DS

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter