Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

McLaren apresenta Fórmula 1 do futuro

Como vão ser os carros de Fórmula 1 no futuro? Motor movido a energia solar, aerodinâmica activa e condução “telepática” são algumas das novidades.

O conceito futurista ficou a cargo da McLaren Applied Technologies, subsidiária da McLaren, e sugere uma revolução total na categoria rainha do automobilismo mundial. Uma proposta que se destaca pelo design aerodinâmico (já lá vamos…), cockpit fechado – que aumenta os níveis de segurança – e pelo revestimento das rodas. É caso para dizer que o McLaren MP4-X “não anda, desliza…”

Para John Allert, director de marca da McLaren Technology Group, este é um carro que combina os principais ingredientes da Fórmula 1 – velocidade, estusiasmo e performance – com as novas tendências do automobilismo, como o cockpit fechado e tecnologias híbridas.

mclaren-mp4-Fórmula-1

A marca garante que toda a tecnologia do MP4-X apresentada é legítima e exequível, embora alguns componentes estejam ainda em fase embrionária de desenvolvimento.

Em vez de concentrar toda a energia numa só área, a McLaren sugere que o veículo irá ter várias baterias (bastante estreitas) distribuídas pela estrutura do veículo. Já a potência do MP4-X não foi especificada.

A aerodinâmica foi outra das principais atenções da McLaren, e prova disso é o sistema de “aerodinâmica activa” que controla electronicamente a carroçaria. Os benefícios desta tecnologia são grandes; por exemplo, é possível concentrar as forças descendentes nas curvas mais apertadas e desviar essas mesmas forças nas rectas, de forma a optimizar as performances.

 

RELACIONADO: Bem-vindos a bordo do McLaren P1 GTR

O McLaren MP4-X é também proposto com um sistema de diagnóstico interno, que permite monitorizar a condição estrutural do carro em caso de erro ou acidente e sensores que permitirão avaliar o estado de desgaste dos pneus.

Mas uma das maiores inovações é mesmo um sistema que permitirá remover todos os controlos do carro, incluindo o volante, travões e acelerador. Como? Através de um conjunto de elementos holográficos controlados por impulsos eléctricos do cérebro do piloto, ao mesmo tempo que monitorizam os seus sinais vitais.

Apesar de ser uma proposta extremamente ambiciosa, o MP4-X é, na óptica da McLaren, o carro Fórmula 1 do futuro. Os dados estão lançados, resta-nos então esperar por mais novidades da marca britânica.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter