Morreu Manoel de Oliveira, o cineasta piloto de automóveis

Manoel de Oliveira morreu hoje aos 106 anos de idade. Para além do cineasta, recordamos o piloto de corridas, uma das várias facetas de Manoel de Oliveira que poucos conhecem.

Antes de ser cineasta, e muito antes de se ter tornado no mais famoso realizador de cinema português de todos os tempos, Manoel de Oliveira já era famoso por outros motivos. Influenciado pelo seu irmão mais velho, Casimiro de Oliveira, e por diversos amigos, Manoel, ainda jovem, dedicou vários anos da sua vida ao desporto automóvel. Como em tantas outras facetas da sua longa vida, também no automobilismo saboreou a glória e o sucesso.

É esta outra vida de Manoel, o piloto de automóveis, que hoje homenageamos. O cinema perdeu o cineasta, o desporto automóvel um piloto, e Portugal um grande homem. A acompanhar este artigo, publicamos fotografias captadas no Circuito da Gávea em 1938, no Rio de Janeiro, quando Manoel de Oliveira conquistou um 3º lugar ao volante de um Ford “Menéres & Ferreirinha” com o número 10.

Àqueles que desejam saber mais sobre esta faceta de Manoel de Oliveira, recomendamos o livro “Manoel de Oliveira, Piloto de automóveis” de José Barros Rodrigues, da editora Caleidoscópio.

manoel de oliveira piloto de automóveis 1

Imagens: “Manoel de Oliveira, piloto de automóveis”, de José Barros Rodrigues via O Estado das Artes

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Clássicos

Os mais vistos

Pub