Especial de homologação

O melhor dos anos 90: Porsche 911 GT1 Straßenversion

Fruto de uma regulamentação da FIA, que daria origem a automóveis simplesmente abismais, nascia assim o Porsche 911 GT1 Straßenversion, que vos damos a conhecer.

As regras da FIA exigiam a produção e comercialização de algumas — cerca de 25 — unidades iguais àquelas que as marcas utilizavam no campeonato GT1 mas homologadas para circulação. Dessa forma, o Porsche 911 GT1 Straßenversion oferece-nos a possibilidade de conduzir um carro de corridas na via pública, e não, não é apenas um cliché escrito e rescrito milhares de vezes.

Sacrifiquem-se alguns “comodismos”, como não ter de se escalar uma barra da roll cage para entrar, ou não ter que consultar um osteopata a cada 100 km, e garantidamente o Porsche 911 GT1 Straßenversion cumpre com a sua missão.

Comecemos pelo nome: quando se tem que incluir no nome o termo Straßenversion (versão de rua), é bom sinal. É sinal que temos um automóvel desenhado para as pistas, mas que por algum motivo foi parar às caóticas estradas públicas, com tudo o que isso significa.

RELACIONADO: Um Mazda 787B a gritar em Le Mans, por favor
911 GT1 Straßenversion (5)

No caso do Porsche 911 GT1 Straßenversion significa uma série de pressupostos que deixam os nossos sentidos a formigar de entusiasmo. Significa por exemplo que o bloco de seis cilindros opostos com 3.2 l de capacidade é idêntico ao que o “primo de corridas” utiliza. Idêntico porque em vez de 592 cv de potência o bloco foi domesticado para uns menos poluentes 537 cv — downgrade que assim permitiu o cumprimento das normas de emissões europeias. Ainda assim, os dois turbos ficaram… e ainda bem.

911 GT1 Straßenversion (9)

Significa também que, na parte traseira, podemos contar com um chassis tubular feito à medida para suportar o pujante bloco bem como a caixa manual de seis velocidades que, para além da sua função primordial, suporta também os elementos da suspensão traseira.

O resultado de 537 cv e 600 Nm para apenas 1120 kg de peso final, garante que o Porsche 911 GT1 Straßenversion seja capaz de velocidades máximas na casa dos 290 km/h e uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 3,6s. Evidencia-se nestes números a intervenção do aparato aerodinâmico que beneficia a estabilidade em detrimento da velocidade de ponta.

Porsche 911 GT1 Straßenversion

Ligação 996

A identidade exterior do Porsche 911 GT1 Straßenversion ficou a cargo de elementos estéticos retirados do modelo de produção, o Porsche 911 (996). Os grupos óticos são a principal característica que torna a equivalência entre modelos mais óbvia. Também no interior a semelhança é notória: todos os manómetros são iguais aos do modelo de produção, no entanto a sua colocação mais “vertical” no tablier, bem como a posição elevada da alavanca da caixa de velocidades confere, mais uma vez, um ambiente de competição.

RELACIONADO: Novo Porsche 911 RSR com motor central: és a favor ou contra?
911 GT1 Straßenversion (4)

Concluindo, arrisco-me a afirmar que a beleza do Porsche 911 GT1 Straßenversion assenta no facto de ter sido um carro transplantado das pistas para as estradas e não o contrário — daí estar tão certo de há pouco não escrever um cliché, mas sim um facto. Claro que toda esta luxúria automobilística tem um preço: algumas unidades foram vendidas recentemente por valores na casa dos dois milhões de euros.

Mais artigos em Clássicos

Os mais vistos