Porsche compra primeiro veículo desenhado por Ferdinand Porsche

O primeiro veículo desenhado e construído por Ferdinand Porsche era elétrico e no seu histórico conta com uma vitória numa corrida. Foi comprado pelo Museu da Porsche, por um valor que não é público.

O Egger-Lohner C.2 Phaeton (Porsche P1) foi o primeiro carro construído e desenhado por Ferdinand Porsche. Fez a sua primeira aparição em público no dia 26 de Junho de 1898, em Viena, tendo sido um dos primeiros veículos a ser registado na Áustria. O primeiro «teste de ferro» ao Porsche P1, foi realizado no âmbito do Salão Internacional de Berlim em Setembro de 1899, com o anúncio de uma corrida de automóveis elétricos, que se viria a realizar a 28 de Setembro de 1899.

Ferdinand Porsche 5

Se os números anunciados para os veículos elétricos modernos vos impressionam, então os dados técnicos deste Egger-Lohner C.2 Phaeton de 1898, vão deixar-vos boquiabertos. Estávamos em 1898 (há 116 anos) e já Ferdinand Porsche, com 23 anos, tinha construído e desenhado o seu primeiro automóvel, um elétrico. Com uma autonomia de 80 km, produzia 5 cv de potência e atingia uns respeitáveis 35 km/h e acoplado ao motor elétrico estava um comando, em jeito de caixa de velocidades, com 12 relações (!).

Em 1899, este Egger-Lohner C.2 Phaeton, foi um sucesso na corrida exclusiva para carros elétricos. Venceu, terminado a prova 18 minutos à frente do segundo classificado. Mais de metade dos participantes tentaram apenas chegar ao fim e sem sucesso, pois devido a dificuldades técnicas, viram-se forçados a abandonar a corrida.

Ferdinand Porsche 3

Depois de muito tempo «fora de casa», o Museu da Porsche adiciona à sua coleção este exemplar de valor incalculável, o primeiro de todos os automóveis que o génio de Ferdinand Porsche ajudou a erguer. Com a descrição “Porsche P1” gravada em vários elementos por todo o carro, esta primeira obra de Ferdinand Porsche, esteve fechada num armazém durante 112 anos, desde 1902.

Ferdinand Porsche 4
Ferdinand Porsche 2

Mais artigos em Notícias