Última hora: Chevrolet fora da Europa em 2016

As complicações contínuas do mercado europeu e uma Opel em dificuldades, levaram a GM a decidir retirar a Chevrolet do mercado europeu, mais específicamente, da União Europeia, no final de 2015.

A notícia cai como uma bomba! Nos anos de discussões sobre o que fazer com a Opel, o resultado acaba por ser o sacrifício da Chevrolet no mercado europeu, focando todas as atenções na marca alemã como Stephen Girsky, vice presidente da General Motors, refere: “Temos confiança crescente nas marcas Opel e Vauxhall na Europa. Estamos a focar os nossos recursos no continente.”

A Chevrolet possui 1% de quota do mercado europeu, e os últimos anos também não foram fáceis para esta marca, comercialmente e financeiramente. A gama actual da Chevrolet passa pelo Spark, Aveo e Cruze, com o Trax, Captiva e Volt a terem paralelos nos modelos Mokka, Antara e Ampera por parte da Opel.

chevrolet-cruze-2013-station-wagon-europe-10

A saída do mercado europeu também permitirá à Chevrolet focar em mercados mais lucrativos e com maior potencial de crescimento, como a Rússia e a Coreia do Sul (onde a maior parte dos seus modelos é produzida), alocando de forma mais eficaz a produção dos seus modelos onde esta é necessária.

Para quem possui modelos da Chevrolet, a GM garante serviços de manutenção sem prazo definido e fornecimento de peças por mais 10 anos a contar da data de saída do mercado, não havendo por isso motivo para alarme ou desconfiança dos futuros proprietáriosHaverá ainda um processo de transição para os concessionários da Opel e Vauxhall assumirem as responsabilidades dos serviços pós-venda dos Chevrolet, de modo a que nenhum cliente sinta diferença na manutenção e assistência ao seu carro.

2014-chevrolet-camaro

Se a saída da Chevrolet dará o espaço necessário para a Opel e Vauxhall crescerem e aumentarem a sua rentabilidade, só o tempo dirá, pois o que não faltam são concorrentes prontos para absorver esse 1% de quota da marca americana.

Mesmo assim, a GM garante a presença no mercado de modelos específicos como o Chevrolet Camaro ou o Corvette, estando ainda por definir como o fará.

Mais artigos em Notícias