ATS 300 Leggera: italianos renascem novamente das cinzas

Como a fénix, a ATS (Automobili Turismo e Sport) renasceu das cinzas em 2012. Este é o terceiro modelo que apresentam desde o renascimento: o ATS 300 Leggera.

Para quem não conhece a história da ATS não se preocupe. Já tínhamos publicado em 2012 um resumo da vida cheia de percalços desta marca italiana, conteúdo com a qualidade que só o Razão Automóvel vos oferece. Agora a história repete-se, com mais uma panóplia de desenhos e promessas de um modelo que começará a ser entregue no próximo ano. Se lerem atentamente a história da ATS, percebem que com o anunciar deste ATS 300 Leggera, pouco pode ter mudado. Mas vamos aos números.

ATS 300 Leggera 5

Este ATS 300 Leggera, inspirado nos carros desportivos italianos da década de 60, transporta-nos também para modelos como o AC Cobra ou mais recentemente, para alguns modelos da TVR. A ATS continua a sua descrição sobre o ATS 300 Leggera dizendo que pretende dotá-lo de um motor 1.6 turbo com 200 cavalos da GM, potência que chegue e que sobre para os anunciados 650 kg deste ATS 300 Leggera.

ATS 300 Leggera 2

Continuando a leitura sobre o modelo começam a surgir, novamente, algumas questões pertinentes. Agora que já está ultrapassada a questão do design, o que dizer da anunciada pretensão de não disponibilizar no ATS 300 Leggera qualquer tipo de ajudas, ou seja, nem controlo de tração, ou mesmo um sistema EBD. Resta saber se pretendem manter o ABS, caso contrário, estaríamos a ser transportados de volta para os anos 60, mas agora com um motor vítima do downsizing. Por outro lado, parece-nos um apelo à pureza da condução, à relação homem-máquina que se foi perdendo.

ATS 300 Leggera 4

Aparentemente, o ATS 300 Leggera será feito por encomenda e a ATS garante que o modelo será construído de acordo com as pretensões do proprietário. O preço? 30 mil euros antes de impostos. A ATS garante que as primeiras unidade do ATS 300 Leggera começarão a ser já em 2014. Esperamos que a ATS nos convide para conhecer as suas belas máquinas, afinal, ainda há lugar nos nossos corações para uma marca italiana com pretensões genuínas, só esperamos é que consigam passá-las para fora do papel. Buona fortuna ATS!

ATS 300 Leggera 1

Os mais vistos