Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Hennessey McLaren 12C HPE700: 12C transgénico pelas mãos do Tio Sam

Hoje trazemos-vos mais uma criação ao bom estilo americano, o RA apresenta-vos, o Hennessey McLaren 12C HPE700.

É fácil de entender a forma de intervir da Hennessey. Tal como o milho transgénico que é milho, mas que foi profundamente alterado na sua estrutura de ADN, o mesmo aconteceu com este Hennessey McLaren 12C HPE700.

Mas não vos queremos maçar com biologia, passemos antes ao que realmente interessa, dizer que o McLaren 12C foi alvo de uma mudança sem precedentes que deixaria a marca envergonhada é exagerado, mas o kit HPE700 é muito mais do que uns simples fertilizante usado por rednecks. John Hennessey sabe que o McLaren P1, para além de ter um preço elevado, está limitado a 903 unidades. Foi com isto em mente que decidiu dotar o 12C com alguns melhoramentos que o pudessem hipoteticamente coloca-lo ao nível do P1 e eis que nasce o Hennessey McLaren 12C HPE700.

2013-Hennessey-McLaren12C-HPE700-8

Mas vamos aos factos: o kit proposto pela Hennessey tem um preço de 19.500$ e por esse dinheiro ganhamos mais 14% de potência, com o Hennessey McLaren 12C HPE700, a brindar-nos com 713 cavalos de potência às 7500rpm e um binário máximo de 729Nm às 5800rpm. É interessante, pois se tivermos em conta o tempo dos 0 aos 100km/h de 2,8s e o ¼ de milha cumprido em 10,3s a 220km/h, conseguimos poupar em cirurgias de lifting facial e ficamos com um McLaren 12C que nos catapulta para velocidades vertiginosas com mais força do que o mítico martelo do Thor, o Deus do Trovão.

2013-Hennessey-McLaren-12C-HPE700-11

A forma como o motor do 12C foi trabalhado pela Hennessey, dá-nos realmente a sensação de que algum tipo de tempestade se passa naquelas câmaras de combustão. Tem agora uma disponibilidade melhorada nos médios regimes, mas é a partir da 4000rpms que algo épico se passa com o bloco de 3.8 Litros e que culmina com uma sensação de poder absoluto sobre o tempo e o espaço às 8500rpms.

A magia do génio de John Hennessey passou por detalhes como proporcionar ao Hennessey McLaren 12C HPE700, uma reprogramação com software específico para a ECU do 12C e o aumento da pressão de sobrealimentação de 1.44 bar para 1.58 bar, acompanhado da revisão dos intercoolers, que complementam a alteração transgénica do ADN do 12C.

2013-Hennessey-McLaren-12C-HPE700-2

Tal como um banana split à boa moda americana, o Hennessey McLaren 12C HPE700 conta com uma apresentação de encher os olhos e com detalhes que prometem encher os sentidos. O escape devidamente afinado para produzir melodias épicas é complementado com vários adereços e placas identificativas desta versão HPE700. De referir que a Hennessey, testa os seus produtos em dinamómetro e estrada, oferecendo uma garantia de 1 ano ou 19.000km.

Certo é, que para os felizes proprietários de um 12C, transformá-lo num Hennessey McLaren 12C HPE700 por “apenas” pouco mais de 14.453€, é uma receita que promete abrir o apetite para se devorarem os 19.000km de garantia de forma muito prazerosa. Nunca a fast food americana soube tão bem! É caso para se dizer: “Tasty is Good”.

Mais artigos em Notícias