Rumores: Audi muito perto de adquirir a Alfa Romeo

Design italiano com tecnologia alemã. O melhor de dois mundos ou o desvirtuar de uma marca?

Parece que as negociações entre a Audi de Rupert Stadler, CEO da marca alemã, e a Alfa Romeo de Sergio Marchionne, CEO do grupo Fiat estão a avançar a passos largos. A notícia veio a publico através da Wardsauto, que baseia a notícia em fontes muito próximas dos líderes de ambas as marcas.

Apesar de Marchionne durante meses a fio ter reiterado inúmeras vezes que a Alfa Romeo não está à venda porque “há coisas que não têm preço”, o facto é que a Audi parece ter encontrado argumentos que à sua maneira fizeram Marchionne mudar de opinião. Segundo a a Wardsauto, essa mudança de posição pode ter sido alcançada com a adição no «pacote de aquisição» de mais dois elementos: a unidade fabril do grupo Fiat na cidade Pomigliano e o conhecido fabricante de componentes Magneti Marelli.

Como é do conhecimento publico, Sergio Marchione não faz questão absolutamente nenhuma e até agradece que a produção do Grupo Fiat não esteja sediada em Itália. Em parte devido ao seu mau relacionamento com os sindicados, outra parte devido aos custos de produção. Pelo lado da Audi, com a aquisição desta unidade, ficaria de imediato com local onde fabricar os novos modelos, poupando bastante tempo, porque dinheiro parece não ser o problema. O que acontecerá com o sucessor do modelo 166 publicado aqui, não sabemos. Mas uma solução de transição será certamente alcançada.

E assim vai o dia-a-dia da Audi A.G. Vida fácil para quem parece ter encontrado em Itália o sitio ideal para ir às compras. Logo que haja mais novidades serão publicadas aqui ou no nosso facebook.

Texto: Guilherme Ferreira da Costa

Mais artigos em Notícias