Chevy COPO Camaro: Nisto é que os americanos são bons!

Chevy COPO Camaro faz 8.88seg. no 1/4milha. Temos carro!

Cada um é para aquilo que nasce, diz o ditado popular. Por exemplo, os Europeus sabem fazer carros que curvam bem, com qualidade, ergonómicos, confortáveis e refinados. Já os americanos… bem, os americanos sabem fazer motores grandes, gastadores e potentes.

Parece pouco não é? Mas não é. É mais do que suficiente! E por conseguinte é sempre uma alegria vê-los a fazer o que melhor sabem fazer. Na mesma medida, é uma comédia vê-los tentar(!) fazer o que não sabem: um carro que saiba curvar!

Como opção existem 3 motores, todos eles com arquitectura V8. Dois bloco atmosférico, um com 7.000 cc e outro com 5.300 cc, e um mais pequeno de 2.900 cc com recurso a turbocompressão. As potências não foram divulgadas mas os valores em causa facilmente ultrapassam os 600 cv.

No interior, tudo o que era supérfluo deu lugar equipamento mais próprio de carros de competição do que de um carro de produção: umas vistosas bacquets, um conta-rpm’s gigante, entre outros elementos que compõe o ramalhete. No exterior, as dimensões da rodas traseiras e dianteira não deixam dúvidas, este carro é um dragster “puro-sangue”.

Quem quiser um dos únicos 89 exemplares que vão ser produzidos este ano terá de desembolsar a módica quantia de 89.000 USD, cerca de 75 mil euros, valor antes de impostos.

Texto: Guilherme Ferreira da Costa