Depois do #1 vem o #3. Próximo Smart «apanhado» na China

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Fuga de imagens

Depois do #1 vem o #3. Próximo Smart «apanhado» na China

Depois de ter lançado o seu primeiro SUV, a Smart prepara-se para mostrar o Smart #3, o seu primeiro «SUV-Coupé».

Ainda agora conhecemos o Smart #1, mas a marca agora detida pela Mercedes-Benz e pela Geely já se prepara para mostrar um novo modelo: o Smart #3.

Mantido até agora no «segredo dos deuses», este modelo acabou por ser conhecido graças ao registo no Ministério da Indústria e Tecnologias de Informação chinês (MIIT).

Visualmente é fácil encontrar muitas semelhanças entre o #1 e o #3, principalmente na face e nos farolins traseiros,  unidos por uma faixa luminosa.

A NÃO PERDER: Aumentar potência do carro a pedido? “Deverá acontecer”, diz Dirk Adelmann, CEO da Smart Europe
Smart #3 vista traseira

É de perfil que o #3 se diferencia por completo do #1. Enquanto o Smart #1 assume-se como um SUV «convencional», o novo modelo registado na China mostra a silhueta mais dinâmica de um «SUV-Coupé». Algo que podemos ver na nova linha de tejadilho, muito mais arqueada que a do #1.

O maior Smart de sempre

Tal como o #1, também o #3 assenta sobre hardware da Geely, recorrendo à plataforma SEA, mas é ainda maior que o modelo que já podemos encomendar em Portugal.

Se dissemos que o #1 era o maior Smart de sempre devido aos seus 4270 mm de comprimento, o Smart #3 retira-lhe esse título com os seus 4440 mm. Curiosamente, a sua distância entre eixos cresceu apenas 35 mm relativamente à do #1.

Ainda não há dados técnicos do Smart #3, mas de acordo com o site Car NewsChina, o novo modelo deverá apresentar as mesmas soluções e números do #1.

Caso tal se confirme podemos esperar pelo menos duas variantes. Uma com um motor elétrico de 200 kW (272 cv) e 343 Nm montado no eixo traseiro e outra variante, a Brabus — que já testámos no #1 —, com dois motores (um por eixo), tração integral, e 315 kW (428 cv) e 543 Nm.

Também a bateria deverá ser a mesma, ou seja, com uma capacidade de 66 kWh (62 kWh úteis), e a ser assim, a autonomia deverá superar os 420 km do #1. Tudo porque, como vimos acontecer noutros SUV elétricos de silhuetas semelhantes, a aerodinâmica deverá ser favorecida, como podem ver nos exemplos abaixo:

Virá para a Europa?

Por enquanto a Smart ainda não revelou quaisquer planos para lançar o #3 na Europa. Afinal de contas, a marca ainda nem sequer o anunciou. Só sabemos que existe devido a esta fuga de imagens.

Contudo, tendo em conta o sucesso que os «SUV-Coupé» têm conhecido no mercado europeu, não seria de admirar que notícias sobre o lançamento do Smart #3 no «velho continente» possam estar para breve.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelado o Ford SportKa?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Pocket Rockets do séc. XXI. Os primeiros 10 anos foram assim

Mais artigos em Notícias