Gama DS 4 simplificada: menos motores mas mais autonomia no híbrido plug-in

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Lançamento

Gama DS 4 simplificada: menos motores mas mais autonomia no híbrido plug-in

Além de ter ganho autonomia na versão híbrida plug-in o DS 4 recebeu um novo nível de equipamento e perdeu dois motores a gasolina.

Um ano depois do seu lançamento o DS 4 viu a sua gama atualizada e, acima de tudo, simplificada.

Se até agora o DS 4 estava disponível com cinco motorizações, esta atualização reduz esse número para três: uma a gasolina (PureTech 130), uma Diesel (BlueHDi 130) e uma variante híbrida plug-in (E-Tense 225).

De fora da gama ficaram os dois motores a gasolina mais potentes, os PureTech 180 e 225.

A NÃO PERDER: DS 4 Rivoli PureTech 225. Tem o que é preciso para rivalizar com os alemães?
DS 4 vista traseira

Ganhar autonomia sem mudar a bateria

A versão mais potente da gama, o DS 4 E-Tense 225, continua a «casar» um motor turbo de quatro cilindros com 180 cv a um motor elétrico de 110 cv integrado na transmissão automática de oito velocidades.

O que resulta em 225 cv de potência máxima combinada, exatamente o mesmo valor que era oferecido pelo DS 4 PureTech 225 que agora desaparece.

Contudo, as maiores novidades da variante híbrida plug-in não dizem respeito à sua potência, mas sim às melhorias da sua eficiência.

DS 4 vista dianteira

Ainda com uma bateria de 12,4 kWh de capacidade, o DS 4 E-Tense 225 passou a percorrer 62 km em modo elétrico, mais 13% do que até agora. Para o fazer bastou uma evolução do software de controlo.

Gama simplificada

Tal como o que vimos nas motorizações, também alguns níveis de equipamento desapareceram da gama do DS 4.

No topo da gama passou a «morar» uma nova versão designada de “Opéra” que, entre o equipamento de série, oferece bancos aquecidos, o sistema de amortecimento pilotado “DS Active Scan Suspension”, teto panorâmico ou o carregamento sem fios para smartphone.

DS 4 interior

De resto e em nome da simplificação, a versão “Bastille” substituiu os níveis de equipamento “Bastille” e “Bastille+”. Já as versões “Performance Line”, “Trocadero” e “Rivoli” continuam presentes na gama.

Descubra o seu próximo automóvel:

Quanto custa?

Em simultâneo com a atualização da gama do DS 4, a marca gaulesa também revelou os preços do seu familiar compacto.

Tal como até agora, o DS 4 continua a estar disponível em duas variantes: «normal» e “Cross”, de «espírito» mais aventureiro.

Versão Preço
1.2 PureTech 130 Bastille 32 735 €
1.5 BlueHDi 130 Bastille 36 565 €
E-Tense 225 Bastille 41 355 €
1.2 PureTech 130 Performance Line 35 435 €
1.5 BlueHDi 130 Performance Line 39 265 €
E-Tense 225 Performance Line 44 055 €
1.2 PureTech 130 Trocadero 37 635 €
1.5 BlueHDi 130 Trocadero 41 460 €
E-Tense 225 Trocadero 46 255 €
1.2 PureTech 130 Rivoli 41 035 €
1.5 BlueHDi 130 Rivoli 44 860 €
E-Tense 225 Rivoli 49 655 €
1.2 PureTech 130 Opéra 46 030 €
1.5 BlueHDi 130 Opéra 49 830 €
E-Tense 225 Opéra 54 650 €

Quanto aos preços do DS 4 Cross, são os seguintes:

Versão Preço
1.2 PureTech 130 Trocadero Cross 38 335 €
1.5 BlueHDi 130 Trocadero Cross 42 165 €
E-Tense 225 Trocadero Cross 46 955 €
1.2 PureTech 130 Rivoli Cross 41 735 €
1.5 BlueHDi 130 Rivoli Cross 45 565 €
E-Tense 225 Rivoli Cross 50 355 €
1.2 PureTech 130 Opéra Cross 46 730 €
1.5 BlueHDi 130 Opéra Cross 50 530 €
E-Tense 225 Opéra Cross 55 350 €

Sabe responder a esta?
Qual é a potência do DS 3 E-Tense?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

DS 3 mudou de nome e ganhou potência e autonomia na versão elétrica

Mais artigos em Notícias