Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Salão de Genebra

É oficial: não vai haver Salão de Genebra em 2022

A organização do Salão de Genebra anunciou em comunicado que a edição de 2022 foi adiada para 2023. É o terceiro ano consecutivo em que o certame não se realiza.

A organização do Salão Internacional do Automóvel de Genebra (GIMS) acaba de confirmar, em comunicado, que a edição de 2022 do evento não se vai concretizar.

Depois de dois anos sem se realizar, fruto da pandemia de Covid-19 que afetou (e parou) todo o mundo, o certame helvético volta a não “abrir portas”.

As expectativas eram grandes, sobretudo depois da realização do Salão de Munique, no passado mês de setembro. Mas agora, o Comité permanente deste salão, que organiza o evento, anunciou a decisão de adiar o certame para 2023.

A NÃO PERDER: Todas as novidades do Salão de Munique 2021 estão aqui
Salão de Genebra

“Pressionámos muito e tentámos tudo para reativar o Salão Internacional do Automóvel de Genebra em 2022”, afirma Maurice Turrettini, presidente do Comité permanente do Salão Internacional do Automóvel de Genebra.

Apesar de todos os nossos esforços, temos que encarar a realidade: a situação pandémica não está controlada e apresenta uma grande ameaça para um grande evento como o GIMS. Mas vemos essa decisão como um adiamento, em vez de um cancelamento. Estou confiante que o salão […] voltará mais forte do que nunca em 2023.

Maurice Turrettini, presidente do Comité permanente do Salão Internacional do Automóvel de Genebra

Já Sandro Mesquita, diretor executivo do Salão Internacional do Automóvel de Genebra, afirmou: “Muitos expositores indicaram que as incertezas causadas pela pandemia de Covid-19 impossibilitam que eles assumam um compromisso firme com o GIMS 2022. Além disso, está o impacto negativo que a atual escassez de semicondutores tem nos fabricantes de automóveis”.

Nestes tempos incertos, muitas marcas são, portanto, incapazes de assumir o compromisso de participar num evento que iria ocorrer daqui a pouco mais de quatro meses. Ao considerar todos os fatores, ficou claro que era necessário adiar o programa e anunciar as notícias mais cedo ou mais tarde para evitar o cancelamento a curto prazo.

Sandro mesquita, diretor executivo do Salão Internacional do Automóvel de Genebra

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Toyota 2000 GT?

Mais artigos em Notícias