Apresentação

Se houvesse um BMW M3 Diesel seria este Alpina D3 S

Disponível na variante sedã e carrinha, o Alpina D3 S combina elevadas prestações com consumos razoáveis. É o mais próximo que há de um M3 Diesel, para quem o desejasse.

Depois de há uns tempos ter revelado a Alpina B3 Touring, o fabricante alemão “voltou à carga” e apresentou o Alpina D3 S nas variantes sedã e carrinha.

Pensado como uma espécie de “BMW M3 Diesel”, o D3 S recorre a uma versão vitaminada do B57, o 3.0 l biturbo que equipa do BMW M340d.

Se no M340d este motor debita 340 cv e 700 Nm, no Alpina D3 S estes valores sobem para os 355 cv e 730 Nm respetivamente.

VÊ TAMBÉM: O novo BMW iX3, 100% elétrico, deixa-se ver antes do tempo
Alpina D3 S

Mild-hybrid, uma estreia na Alpina

Tendo em conta que o B57 foi projetado para funcionar em associação a um sistema mild-hybrid de 48 V, o D3 S é o primeiro modelo da Alpina a apresentar-se com esta tecnologia que oferece, em certas condições, até mais 11 cv.

No que à transmissão diz respeito, o D3 S continua a recorrer a uma caixa automática de oito velocidades da ZF e ao sistema de tração integral da BMW. O sistema xDrive não ficou imune às alterações efetuadas pela Alpina, enviando agora, mais força para o eixo traseiro.

VÊ TAMBÉM: Volta BMW Série 3 Compact, estás perdoado

Tudo isto permite ao Alpina D3 S cumprir os 0 aos 100 km/h em 4,6s — 4,8s no caso da carrinha —, e atingir os 273 km/h — 270 km/h no caso da carrinha — de velocidade máxima.

O que mais mudou?

Para além dos tradicionais detalhes estéticos que estamos acostumados por parte da Alpina, como os (discretos) apêndices aerodinâmicos, o novo escape, os decalques ou as jantes que podem ir das 20” até às 22”, as restantes diferenças do Alpina D3 S não são visíveis.

VÊ TAMBÉM: Para além do duplo rim XXL. Testámos o BMW 745e, o Série 7 híbrido plug-in
Alpina D3 S

Falamos, claro está, do novo acerto de chassis, do novo diferencial autoblocante traseiro, do sistema de travagem herdado do Alpina B5 Bi-Turbo e ainda da suspensão adaptativa já usada pelo Alpina B3 e que é complementado com um conjunto de molas da Eibach.

Alpina D3 S
Eis o motor Diesel que anima o Alpina D3 S.

Já disponível na Alemanha, o Alpina D3 S vê os seus preços arrancarem por lá nos 70 500 euros no caso do sedã e nos 71 900 euros no caso da carrinha.


A equipa da Razão Automóvel continuará online, 24 horas por dia, durante o surto de COVID-19. Segue as recomendações da Direção-Geral de Saúde, evita deslocações desnecessárias. Juntos vamos conseguir ultrapassar esta fase difícil.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do Alpina E36 B8 4.6?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Alpina E36 B8 4.6
Em cheio!!
Vai para a próxima pergunta

ou lê o artigo sobre este tema:

Lembras-te deste? Alpina E36 B8 4.6

Mais artigos em Notícias