Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Londres quer criminalizar 11 comportamentos dos condutores de supercarros

A alteração legislativa promovida pelo bairro real de Kensington e Chelsea deverá estar prestes a entrar em vigor. Com o fim do Ramadão, são centenas os árabes que transportam os seus supercarros para Londres, mas é o seu comportamento nas estradas que preocupa os locais.

Não é novidade que o Verão na cidade de Londres se transforma numa feira de vaidades, com centenas de supercarros a servirem de modelos para as câmaras de fotógrafos e youtubers de todo o mundo. Se por um lado o glamour e o luxo movem os mais curiosos até aos bairros mais ricos da cidade, há um grande número de moradores que está preocupado com a segurança de peões e condena comportamentos que dizem ser “antissociais”.

RELACIONADO: Documentário sobre os jovens bilionários em Londres

Segundo avança o The Telegraph, a lei de comportamento antissocial pretende impedir comportamentos típicos dos condutores de supercarros, que têm incomodado os habitantes destes bairros durante os últimos anos.

Poderão ser criminalizados os seguintes 11 comportamentos em alguns bairros da cidade:

– Deixar o carro ao ralenti sem justificação
– Acelerar com o carro parado (revving)
– Acelerar repentinamente e rapidamente
– Excesso de velocidade
– Formar uma caravana de carros
– Fazer corridas
– Realizar manobras de exibição (burnout, drift, etc)
– Buzinar
– Ouvir música alto
– Condutas ameaçadoras no trânsito ou comportamento intimidante
– Provocar obstrução das vias, esteja o carro parado ou em movimento

O incumprimento das regras levará à aplicação de multas e a reincidência a processos crime e apreensão das viaturas.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias