Halloween Toyota: 885 mil para recolher e a culpa é das aranhas | RA

Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Halloween Toyota: 885 mil para recolher e a culpa é das aranhas

Já todos devemos ter lido um pouco pela imprensa nacional e internacional que a Toyota vai recolher 885 mil automóveis. O que provavelmente não sabiam é que a culpa é das aranhas.

Doçura ou travessura? Pois bem, os proprietários dos modelos Camry Hybrid, Camry, Avalon Hybrid, Avalon, e Venza, comercializados nos Estados Unidos, têm um problema entre mãos. Afinal de que serve dar abrigo a uma bela aranha no nosso carro, se ao contrário do que reza a lenda popular, tal gesto não trará riqueza mas sim um airbag a rebentar-vos na cara? Confusos? Nós explicamos.

camry hybrid

Os problemas surgem ao nível da tubagem do ar condicionado, nomeadamente no tubo que drena o líquido resultante da condensação do ar condicionado. As aranhas conseguem chegar a esse tubo e fazem teias no seu interior que impedem ou diminuem a passagem do líquido pelo tubo de drenagem. Consequentemente o líquido transborda para o módulo de controlo do airbag, o que pode provocar o accionamento do airbag do condutor, ou impedir o seu accionamento em caso de acidente. Em qualquer um dos casos, esta situação leva a Toyota a ter de recolher quase 1 milhão de automóveis nos Estados Unidos.

Toyota Venza

Para além do risco de curto-circuito no sistema de airbag, pode haver em casos limite, perdas de direcção assistida. Em 3 dos 35 casos em que o sistema de airbag entrou em curto de circuito o airbag do condutor rebentou. O único facto consistente entre todos os analisados, é a existência de teias de aranha nos tubos de drenagem.

Toyota Avalon