É assim que a Nissan quer acabar com as distrações ao volante

A maioria dos condutores concorda que utilizar o telemóvel durante a condução aumenta a probabilidade de acidentes. Para a Nissan, a solução é simples: uma tecnologia inventada no século XIX.

É um fenómeno cada vez mais comum. Estamos numa fila de trânsito, olhamos para o lado e lá está o condutor com uma mão no volante e outra no telemóvel. De acordo com a Nissan, um em cada cinco condutores admite utilizar o telemóvel durante a condução. Not anymore!

O Nissan Signal Shield é um compartimento localizado debaixo do apoio de braço, uma espécie de “Gaiola de Faraday”, uma invenção que data da década de 30 do século XIX. Uma vez colocado neste compartimento, o telemóvel deixa de ter aceso à rede telefónica, Wi-Fi e Bluetooth.

O objetivo é, ao acabar com as chamadas e notificações, desencorajar os condutores de usarem o telemóvel enquanto conduzem:

A NÃO PERDER: Shiro Nakamura. O futuro da Nissan nas palavras do seu histórico chefe de design

Caso o condutor queira conectar o telemóvel ao sistema de infoentretenimento, pode fazê-lo na mesma através de um cabo USB. Para restaurar as conexões de rede, basta voltar a abrir o apoio de braço normalmente.

Para já, o Signal Shield encontra-se em fase de testes, equipado no Nissan Juke que podem ver nas imagens. Resta saber quando (e se) vai chegar aos modelos de produção.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Pub