Peugeot Partner Tepee Electric: agora com «emissões zero»

Share Button

O Peugeot Partner Tepee ganhou uma motorização elétrica e é mais uma das confirmações para o Salão de Genebra, que decorre em março.

Conjugar a funcionalidade que já lhe era característica com as vantagens da condução 100% elétrica: assim se define em poucas palavras o Peugeot Partner Tepee Electric. Um modelo que se junta assim à gama (em crescimento) de propostas «amigas do ambiente» da marca francesa.

O novo Peugeot Partner Tepee Electric utiliza toda a mecânica elétrica do mais pequeno Partner Electric, lançado em 2013. O motor elétrico de 67 cv e 200 Nm é alimentado por dois packs de baterias de iões de lítio com 22,5 kWh de capacidade, colocados no fundo do carro, de forma a manter o baixo centro de gravidade baixo e preservar os níveis de habitabilidade. Numa tomada doméstica, o tempo de carregamento completo é de 8h30, 12h ou 15h, consoante a amperagem da tomada. Num carregador rápido, é possível recuperar 80% da capacidade da bateria em apenas 30 minutos.

TESTADO: Será o novo Peugeot 3008 uma metamorfose perfeita? Fomos descobrir

O novo Tepee Electric apresenta uma autonomia de 170 km no ciclo europeu (NEDC), um valor que, segundo a Peugeot, responde à utilização da grande maioria dos condutores europeus que percorrem uma média diária inferior a 60 km.

Quanto à habitabilidade e espaço no interior, tudo na mesma. O interior modulável com 5 lugares independentes permite aumentar a volumetria da bagageira para até 3.000 litros, sem a segunda fila de bancos. O Peugeot Partner Tepee Electric chega ao mercado nacional em setembro, mas antes vai ser apresentado no Salão de Genebra. Conhece aqui todas as novidades para o certame helvético.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter