Próximo Nissan Leaf vai ser semi-autónomo

A Nissan aproveitou a presente edição do Consumer Electronics Show (CES) para desvendar algumas novidades sobre o futuro da marca.

Não é segredo nenhum que a Nissan é uma das marcas de automóveis que mais aposta nas novas tecnologias, em especial na condução autónoma e na eletrificação. De acordo com Carlos Ghosn, essa aposta vai fazer-se sentir com ainda mais intensidade já na próxima geração do elétrico Nissan Leaf, previsto “para um futuro próximo”.

O CEO da marca nipónica desvendou em Las Vegas alguns detalhes sobre o seu plano de mobilidade, em direção a um “futuro com zero emissões e zero fatalidades”. O plano passa desde já por lançar um Nissan Leaf com o sistema ProPILOT, uma tecnologia de condução autónoma numa única faixa de autoestrada.

VEJAM TAMBÉM: Chrysler Portal Concept de olhos postos no futuro

Para acelerar a chegada dos veículos autónomos à estrada, a Nissan está a trabalhar numa tecnologia a que chamou de Mobilidade Autónoma Simples (SAM). Desenvolvida a partir de tecnologia da NASA, a SAM combina a inteligência artificial no veículo com o suporte humano para ajudar a que os carros autónomos tomem decisões em situações imprevisíveis e construam o conhecimento da inteligência artificial do veículo. O objectivo desta tecnologia é fazer com que os automóveis sem condutores do futuro coexistam com condutores humanos num espaço de tempo mais curto.

“Na Nissan não criamos tecnologia só pela tecnologia. Nem reservamos as melhores tecnologias para os modelos mais luxuosos. Desde o início que trabalhamos para trazer as tecnologias certas para toda a gama dos nossos veículos e para o maior número de pessoas possível. Para isso, mais do que inovação é necessário engenho. E é precisamente isso que oferecemos através da Mobilidade Inteligente da Nissan”.

Para já, a Nissan vai dar inicio a um programa de testes – em parceria com a empresa DeNA – para adaptar veículos sem condutor ao uso comercial. A primeira fase destes testes tem início este ano no Japão.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Pub