Jaguar I-Pace: 100% elétrico «like a sir»

Cerca de 500 km de autonomia e acelerações dos 0 aos 100 km/h em apenas quatro segundos. É isto que nos espera a versão de produção do Jaguar I-Pace.

Em plena véspera de abertura ao público do Salão de Los Angeles, a Jaguar acaba de apresentar o seu novo I-Pace Concept, um SUV elétrico de cinco lugares que mistura performance, autonomia e versatilidade.

A versão de produção, que será apresentada no final de 2017, faz a estreia de uma nova arquitetura exclusiva para modelo elétricos, deixando em claro a aposta da marca para o futuro.

HyperFocal: 0

“As oportunidades proporcionadas pelos motores elétricos são enormes. Os veículos elétricos disponibilizam muito mais liberdade aos designers, e temos que a aproveitar. Por esse motivo o I-PACE Concept foi desenvolvido com uma nova arquitetura concebida para otimizar a performance, a aerodinâmica e o espaço interior do veículo elétrico”.

Ian Callum, responsável pelo departamento de design da Jaguar

Em termos estéticos, Ian Callum quis distanciar-se de tudo o que foi feito até agora e apostou num design vanguardista e desportivo, sem abdicar do espaço – a mala conta com 530 litros de capacidade. Por fora, as atenções recaíram principalmente sobre a aerodinâmica, que foi otimizada para proporcionar um índice de resistência de apenas 0,29 Cd, além de contribuir para um perfil esguio e dinâmico.

Segundo a marca, o habitáculo “foi concebido com materiais de alta qualidade, detalhes requintados e acabamentos artesanais”, com um design e tecnologia focados no condutor. O destaque vai para o ecrã tátil de 12 polegadas na consola central, e em baixo um outro ecrã de 5,5 polegadas com dois seletores rotativos em alumínio. A posição de condução é também mais baixa que nos SUV convencionais, e no modo de condução “Sports Command” a Jaguar garante aproximar-se da sensação de condução em estrada dos veículos desportivos.

FESTIVAL DE GOODWOOD: Fazer o pino num Jaguar F-Pace? Desafio aceite!

Debaixo do capot, além do conjunto de baterias de iões de lítio de 90 kWh, o Jaguar I-Pace Concept dispõe de dois motores elétricos, um em cada eixo, para um total de 400 cv de potência e 700 Nm de binário máximo. A tração elétrica às quatro rodas é responsável pelo controlo da distribuição do binário, tendo em conta as particularidades da estrada e as condições do veículo. Quanto à performance, a Jaguar garante valores de um verdadeiro desportivo:

“Os motores elétricos proporcionam uma resposta imediata, sem atrasos nem interrupções. As vantagens da tração às quatro rodas significam que o I-PACE Concept consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas quatro segundos”.

Ian Hoban, Vehicle Line Director, Jaguar Land Rover

Já a autonomia ultrapassa os 500 km em ciclo combinado (NEDC), isto de acordo com a Jaguar, sendo que é possível carregar 80 % das baterias em apenas 90 minutos e 100% em pouco mais de duas horas, com um carregador de 50 kW.

A versão de produção do Jaguar I-Pace chega ao mercado em 2018.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Pub