Chevrolet Camaro: 516 cv de potência e 1.416 Nm de binário… Diesel!

11/10/2016
4.331 views
Share Button

Um «muscle car» a gasóleo, é possível? Aparentemente sim, e nasceu em território anti-Diesel: os Estados Unidos da América.

Antes de acenderem as tochas e pegarem nas forquilhas digitais das redes sociais saibam que há um motivo plausível para Nathan Mueller, o responsável por este projeto, ter ousado equipar um Chevrolet Camaro SS com um motor Diesel oriundo de uma camioneta. Isso mesmo, de uma camioneta.

A NÃO PERDER: Discos perfurados, ranhurados ou lisos. Qual é a melhor opção?

O Chevrolet Camaro SS que vêem nas imagens foi adquirido em hasta pública por um preço simbólico. Motivo? A liga dos «amigos do alheio» subtraio-lhe o motor (um V8 6.3 LS3 com 432 cv) e a caixa de velocidades, deixando os restantes componentes ao abandono. Perante este negócio, Nathan decidiu fazer o improvável: criar um muscle-car Diesel. Não sou bem, pois não? Mas o resultado até é interessante.

chevrolet-camaro-ss-diesel-homem

O dador de órgãos mecânicos foi nada mais nada menos que um Chevrolet Kodiak (versão camioneta), que durante anos serviu de autocarro num aeroporto. O problema é que o bloco Duramax – um turbodiesel de oito cilindros e 6.600cc – era bem maior do que o motor original do Camaro. Em virtude destas incompatibilidades, Nathan Mueller teve de dedicar-se ao fabrico de peças artesanalmente para consumar o casamento improvável entre este motor que nasceu para trabalhar num camião e acabou no chassis de um desportivo.

NOTÍCIA: Conhece os candidatos ao Prémio Carro do Ano 2017

O resultado foi um Camaro Diesel com 516 cv de potência e uns massivos 1.416 Nm de binário máximo, graças a uma centralina reprogramada e a um turbo de maiores dimensões. Após todas estas modificações, o peso total do conjunto subiu para os 2.100 kg. É muito para um desportivo, é verdade – um Audi Q7 da nova geração pesa menos – mas ainda assim, Nathan Mueller diz que o comportamento é rigoroso e divertido.

chevrolet-camaro-ss-diesel-4

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Diretor Editorial e co-fundador da Razão Automóvel. Tem 29 anos, ama os automóveis mas tem uma paixão secreta: as duas rodas! Praticante de todo-o-terreno, iniciou-se nas lides da condução aos comandos de um Citroen Ax. Não resiste a umas boas curvas, seja no asfalto ou numa folha de papel.