História do Salão Automóvel de Genebra

Todos os anos, durante duas semanas Genebra transforma-se na capital mundial do Automóvel. Conheçam a história deste certame nas próximas linhas.

Desde 1905 que Genebra é a cidade escolhida para receber uma espécie de Liga dos Campeões das quatro rodas: o Salão Automóvel de Genebra. Os carros mais exclusivos, as principais novidades, as marcas que interessam e as pessoas que mandam no negócio estão todas lá. É assim todos os anos, e vai continuar a ser assim desde que a paz mundial o permita – recordo que o certame só foi interrompido durante as duas guerras mundiais.

O título de «melhor salão do mundo» não é um título explícito, mas implícito. As melhores e mais aguardadas estreias mundiais ocorrem sempre por terras helvéticas e por decisão de uma organização que é uma espécie de FIFA dos construtores de automóveis, a OICA: Organisation Internationale des Constructeurs d’Automobiles. Frankfurt, Paris, Detroit, Tóquio, Nova Iorque, nenhuma destas cidades consegue montar um «show» como aquele que podemos encontrar durante estes dias em Genebra.

Salão de Genebra 2015 (15)

E porquê Genebra? E não Lisboa ou… Beja! Para entendermos essa escolha temos de ir aos livros de história (ou à internet…). Ainda que os bejenses sejam pessoas muito pacatas e acolhedoras e Lisboa uma cidade muito bonita e hospitaleira, nenhuma delas é terreno neutro. E a Suiça é.

A Suiça é um país neutro desde 1815. Segundo a Wikipédia,  um país neutro é aquele que não toma partido num conflito e “em retorno espera não ser atacado por nenhum”. Daí que as maiores escaramuças do mundo sejam resolvidas na Suiça. País que serve de sede à ONU e a dezenas de organizações mundiais.

De facto, no que toca a automóveis, a Suiça não podia ser mais neutra. Os grandes construtores regra geral são de nacionalidade alemã, italiana, americana, francesa, inglesa ou japonesa. Portanto a medição de forças entre estas potências motorizadas não podia ser nos seus países de origem, para evitar favorecimentos. Convencionou-se que o melhor local para a «batalha das luzes e do glamour» das quatro rodas tinha de ser na Suiça. E é assim há exactamente 85 edições.

Se tiverem t€mpo, recordo-vos que o Salão Automóvel de Genebra vai estar aberto ao público até dia 15 deste mês. O nosso Diogo Teixeira esteve lá, e nos próximos dias vai mostrar-nos tudo o que se passou por lá.

IMG_1620

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Pub