Kia Cee’d GT Line estreia novo motor tricilíndrico turbo de 1 litro

03/03/2015
3.283 views
Share Button

O Kia Cee’d GT Line escolhe o palco de Genebra para se dar a conhecer. Trata-se de um novo nível de equipamento que o aproxima do topo de gama Cee’d GT e pro_Cee’d GT. Além das roupagens mais desportivas, o Cee’d GT Line traz igualmente novidades de foro tecnológico.

Exteriormente, encontramos novos pára choques dianteiros de desenho mais desportivo, integrando luzes diurnas como as do GT, denominadas de Ice-Cube (cubos de gelo). De perfil podemos observar jantes de 17 polegadas de novo desenho e as mesmas saias do GT, e na traseira, tanto o Cee’d de 5 portas com o pro_Cee’d de 3 portas adoptam os respectivos pára choques traseiros do GT com as duplas saídas de escape. A Sportswagon difere com a aplicação de um discreto difusor traseiro para acompanhar a dupla saída de escape.

VEJAM TAMBÉM: Este é o novo Kia Sorento

kia_ceed_gtline_2

O interior recebe nova decoração, também inspirada pelo GT, e vem equipado com o volante em pele e pedais de alumínio deste, além de um novo botão start-stop em alumínio.

A chegada do Cee’d GT Line foi a ocasião escolhida para apresentar a novidade maior materializada num pequeno motor. Como outros tantos, também a Kia cede ao downsizing, na procura de diminuir as suas emissões. Substituindo o 1.6 GDI de 4 cilindros naturalmente aspirado (não comercializado em Portugal), a Kia apresenta um novo tricilíndrico 1.0 litro T-GDI Kappa, que auxiliado por um turbo disponibiliza 120cv às 6000rpm e 172Nm entre as 1500 e as 4100rpm. Promete consumos e emissões inferiores em 10 a 15% relativamente ao 1.6, que deverão ser confirmados em posterior homologação.

kia_ceed_1liter_engine

O encanto pelos automóveis empurraram-o para o mundo do design, com a enebriante possibilidade de poder vir a criar estas «criaturas» rolantes . Quando lhe colocaram um volante nas mãos, Fernando Gomes apercebeu-se ainda mais da complexa relação entre o homem e a máquina. Está definitivamente «agarrado»...