Jeremy Clarkson demitido da BBC

25/03/2015
8.698 views
Share Button

É o fim da linha para Jeremy Clarkson na BBC e no programa Top Gear. O programa de automóveis como o conhecemos nunca mais será o mesmo.

Foram muitas as polémicas desencadeadas por Jeremy Clarkson ao longo do programa Top Gear, mas segundo o diretor-geral da BBC, Lord Hall, a agressão ao assistente de produção Oisin Tymon foi “uma linha ultrapassada”. Lord Hall acrescenta ainda em comunicado que esta não foi um decisão tomada de ânimo leve e que certamente será mal recebida pelos fãs do programa.

De acordo com um relatório interno da BBC, o confronto físico entre o apresentador e o assistente de produção durou 30 segundos e uma testemunha presenciou todo o incidente. O assistente de produção Oisin Tymon não tinha intenções de acusar Clarkson, foi o apresentador que reportou o sucedido à BBC.

Jeremy Charles Robert Clarkson tem 54 anos e começou a apresentar o programa de televisão Top Gear no dia 27 de Outubro de 1988, há 26 anos. Quanto ao Top Gear, ainda não sabe qual o destino deste programa, com 4 milhões de espectadores em todo o mundo.

Segundo o The Telegraph Chris Evans poderá substituir Jeremy Clarkson no programa. Quanto ao futuro de Jeremy Clarkson pouco se sabe, o Observador avança que o apresentador inglês poderá estar em vias de assinar um contrato milionário com a NetFlix.

Relembrando o programa, este foi o último “across the line!” para o apresentador inglês.

Não deixe de nos seguir no Facebook e Instagram

Cofundador da Razão Automóvel | Aos 20 anos, o pai passou-lhe um Alfa Romeo para as mãos com 300 mil quilómetros e disse-lhe: "Faz-te à vida." Desde então tem feito amizade com mecânicos e condutores de reboque por este país fora. Na nossa primeira reportagem, ficamos apeados na A1.

  • Hugo Enrique

    Sacanagem com jeremy luto top gear