Suzuki Vitara: O «samurai» do TT está de volta

Totalmente baseado no protótipo iV-4 apresentado do Salão de Frankfurt, o novo Suzuki Vitara conhece agora a sua versão final, no Salão de Paris.

A Suzuki trouxe para o Salão de Paris uma novidade de peso. O Suzuki Vitara, um dos seus modelos de maior prestígio internacional, recebe uma nova plataforma com argumentos para encarar a concorrência e com um ar mais jovial, rompendo com o ar cansado da última geração.

VEJAM TAMBÉM: Estas são as novidades do Salão de Paris 2014

Com dimensões que o colocam num patamar onde já reinam propostas como o Nissan Qashqai, o Suzuki Vitara tem uma difícil tarefa pela frente, pois enfrenta dentro da própria marca o seu irmão SX4 S-Cross, com o qual partilha grande parte dos componentes mecânicos.

max-5

O novo Suzuki Vitara é um automóvel com 4,17m de comprimento, 1,77m de largura e 1,61m de altura, apenas ligeiramente mais curto e mais alto do que o seu comparsa de gama, o S-Cross.

As propostas motrizes do Suzuki Vitara são as mesmas que também são propostas para o S-Cross, ou seja, contamos com 2 blocos de 1.6l de 120 cavalos. No caso do 1.6 a gasolina, o binário máximo é de 156Nm e o 1.6 Diesel de origem Fiat, conta com 320Nm.

max-2

O bloco a gasolina é servido com uma caixa manual de 5 velocidades, podendo receber em opção uma caixa automática de 6 relações, a versão Diesel surge acoplada a uma caixa manual de 6 velocidades.

Ambos os blocos serão propostos com tração dianteira e tração integral e no caso dos modelos com tração integral, o sistema 4×4 ALLGRIP utiliza o sistema de repartição Haldex, com embraiagem multidisco. O sistema 4×4 ALLGRIP conta com 4 modos: Auto, Sport, Neve e Lock, sendo que no modo Auto e Sport, o sistema apenas reparte a potência para as rodas traseiras quando necessário. No modo Neve o controlo de tração intervém para mediar a potência transmitida às rodas e no modo Lock, o Suzuki Vitara circula com a tração integral permanente.

A mala conta com uma capacidade de 375l, colocando-o a par de propostas como o Peugeot 2008 e o Renault Captur, mas com um valor inferior ao concorrente Skoda Yeti.

max-7

A Suzuki está fortemente apostada em tornar o Suzuki Vitara de novo um produto jovem e irreverente, apostando na personalização exterior, com uma oferta de 15 cores diferentes que ainda podem ser combinadas com esquemas de pintura em 2 tons.

De referir que o novo Suzuki Vitara conta com um equipamento completo que mediante as diversas versões, que vão desde a GL até à GLX-EL, pode incluir um sistema de assistência à travagem em cidade, 7 airbags, cruise control adaptativo, teto panorâmico e ligação multimédia USB.

Pub