A Audi aderiu às molas em fibra de vidro: saibam as diferenças

02/07/2014
2.369 views
Share Button

Audi-FRP-Coil-Springs

Como são produzidas estas novas molas em GFRP?

Voltando um pouco ao que são molas helicoidais de compressão, as mesmas são projetadas para acumular forças durante a sua compressão e exercê-las no sentido da sua expansão. São geralmente produzidas a partir de um arame de aço, com formato cilíndrico. Quando é necessário a aplicação de forças torsionais mais elevadas em espaços menores, os arames são moldados com outros formatos de entre os quais o helicoidal paralelo, formando assim uma espiral de cada uma das extremidades.

A estrutura das molas

A estrutura destas novas molas tem um núcleo que se desenvolve através de um rolo longo de fibra de vidro, entrelaçado e impregnado de resina epóxida, onde posteriormente uma máquina é responsável por envolver as espirais com fibras compósitas adicionais, em ângulos alternados de ±45°, relativos ao eixo longitudinal.

PARA RECORDAR: É assim que se produz o motor do Nissan GT-R

Tem no ADN a paixão por automóveis, ainda no ventre materno já gostava de andar de carro. Atingiu na formação como mecânico de automóveis o nirvana do viver e respirar técnica automóvel. Define-se como um Gearhead/Petrolhead e tem a condução como o seu Elixir de Vida.