Vectorização de Binário: tração à la carte

19/06/2014
1.032 views
Share Button

Na generalidade dos veículos com tração integral e que comtemplam a vectorização de binário, ambos os diferenciais, frontal e traseiro dispõe de embraiagens multidiscos de cada lado do eixo respetivo para que possam fazer a variação de binário aplicado, ou seja para além do sistema de tração integral gerir a divisão de binário entre eixos, o sistema de vectorização de binário pode comandar também a repartição de binário entre rodas. Ou seja na prática o sistema de tração integral consegue fazer variar entre eixos e dependendo do sistema de 0 a 50% e de 0 a 100% do binário, enquanto, o sistema de vectorização de binário consegue variar autonomamente em conjunto com a repartição de binário entre eixos, o binário aplicado em cada roda, no eixo da frente 50-50% e numa proporção de 0 a 100% para o eixo traseiro.

Electric-SH-AWD-torque-control-626x469

Isto tudo em tempo real e em frações de segundos, o que permite uma melhor gestão da transferência de binário entre eixos ajudando a conseguir melhor tração quer seja no apoio dinâmico em curva, quer seja em pisos de fraca aderência e tudo com consumos melhorados, uma vez que o sistema é capaz de gerir a tração em tempo real, enviando continuamente e variavelmente o binário necessário para as rodas necessárias, sem desperdício de recursos energéticos.

Tem no ADN a paixão por automóveis, ainda no ventre materno já gostava de andar de carro. Atingiu na formação como mecânico de automóveis o nirvana do viver e respirar técnica automóvel. Define-se como um Gearhead/Petrolhead e tem a condução como o seu Elixir de Vida.