Lamborghini Huracán: o furacão taurino

Share Button

Já é um cliché! Quando pouco tempo falta para conhecermos oficialmente um novo modelo, as imagens surgem, “acidentalmente”, antes do previsto. O Lamborghini Huracán, recentemente rebatizado sucessor do Lamborghini Gallardo também é, felizmente, vítima prematura das fugas de informação.

Estas são as primeiras imagens do futuro Lamborghini Huracán. Terá como papel substituir o sempre espectacular Gallardo, já com 10 anos de mercado, e o Lamborghini mais vendido de sempre, com mais de 14 mil unidades vendidas. Rivais como o Ferrari 458 Italia e o McLaren 12C elevaram a fasquia nos últimos anos, e o Gallardo, como veterano do grupo, já pedia por uma renovação de argumentos para tão poderosos rivais. Em 2014, o Lamborghini Huracán terá de provar que o touro é o mais forte.

lamborghini-huracan-leak-3

Esta é informação que existe, para já, sobre o Huracán, onde a receita não difere muito do actual Gallardo. Tal como este, o Lamborghini Huracán é desenvolvido conjuntamente com o Audi R8, ou melhor, com o seu sucessor, que deveremos conhecer em 2015. Também possui tracção total e o motor é uma evolução do actual V10 de 5.2l. Anuncia uns “saudáveis” 610cv obtidos a umas gritantes 8250rpm. O binário atinge 560Nm às 6500rpm e tradicional sprint dos 0-100 km/h faz-se em 3.2 segundos. Apesar do poderio inquestionável, a Lamborghini faz notar que o seu V10 é capaz de cumprir as rígidas normas Euro6, e graças ao recurso da injecção directa e sistema start-stop, anuncia um consumo médio de 12.5l/100km. Optimista?

O encanto pelos automóveis empurraram-o para o mundo do design, com a enebriante possibilidade de poder vir a criar estas «criaturas» rolantes . Quando lhe colocaram um volante nas mãos, Fernando Gomes apercebeu-se ainda mais da complexa relação entre o homem e a máquina. Está definitivamente «agarrado»...